CEV

Vereadores de Mogi defendem a abertura das academias

Primeira sessão da Câmara formalizou os integrantes das comissões permanentes. (Foto: Henrique Campos)

A Comissão Especial de Vereadores(CEV) da Retomada Econômica de Mogi das Cruzes protocolou um pedido ao governador João Doria (PSDB) para a inclusão das academias na fase 3 (amarela) do Plano São Paulo. Atualmente esses estabelecimentos constam na penúltima fase para a reabertura, a de número 4 (verde), e estão atrás de locais como bares e restaurantes.

Ontem, os vereadores Marcos Furlan (DEM), autor da moção, e Caio Cunha (PODE), além do secretário municipal de Desenvolvimento, Simei Baldani, entregaram a moção a Silvia Meira, assessora do vice-governador Rodrigo Garcia (DEM).

Um documento com medidas recomendadas por entidades como o Conselho Regional de Educação Física foi anexado ao pedido. Os vereadores representam as 150 academias que solicitam a reabertura dos espaços assim que Mogi chegar à fase amarela – hoje o município está faixa laranja (2). “Foi uma oportunidade de expormos a reivindicação deste segmento, com 150 academias, que juntas empregam cerca de duas mil pessoas na cidade. Esperamos que o governo seja sensível a esta causa, considerando, inclusive, que as academias cumprem importante papel para a saúde e bem-estar das pessoas, e estão aptas a adotar todos os protocolos de segurança”, disse Furlan.

Caio Cunha se mostrou preocupado com a saúde mental e emocional: “Daqui a pouco vamos enfrentar uma onda de pessoas emocionalmente doentes. Seguindo os protocolos com rigor, a retomada das academias será muito importante para a sociedade”, acredita o vereador.


Deixe seu comentário