CARTAS

Vivas ao corona

Por que é tão difícil para os humanos se unirem? Assim manifestou-se, há pouco tempo, entre lamento e choro, o diretor da Organização Mundial de Saúde (OMS) ao se referir ao fraco espírito coletivo nosso no enfrentamento da pandemia. Pura verdade, quando constatamos estupefatos, mau exemplo de vereador de Jataí (GO), dançando quadrilha e dando vivas ao coronavírus numa festa junina, realizada fora das regras de proteção contra a doença. A humanidade, com todo avanço tecnológico e científico, tem muito a aprender sobre solidariedade com a lição dos gansos selvagens.

Marcelo de Lima Araújo

marcelodelimaaraujo@yahoo.com.br


Deixe seu comentário