Diário Logo

Notizia Logo

“Bracinho” e “Bahia” são procurados pelo assassinato de motociclista em Itaquá

No dia 14 de outubro de 2020, na Rua San Conrado, nº 80, Jardim Califórnia, Itaquaquecetuba, ocorreu a morte de Walace Marques Lobato, de 25 anos – a vítima que foi alvejada por disparos de arma de fogo enquanto estava na via pública com sua motocicleta. O trabalho de investigação do Setor de Homicídios e […]

2 de agosto de 2023

O Diário

No dia 14 de outubro de 2020, na Rua San Conrado, nº 80, Jardim Califórnia, Itaquaquecetuba, ocorreu a morte de Walace Marques Lobato, de 25 anos – a vítima que foi alvejada por disparos de arma de fogo enquanto estava na via pública com sua motocicleta. O trabalho de investigação do Setor de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP) apontou Josevaldo “Bracinho” e José Pereira “Bahia” como os autores do homicídio. Eles são procurados pelo crime e por integrarem uma organização criminosa envolvida em outros assassinatos na região.

Segundo o setor de homicídios, após o assassinato de Walace, investigações descobriram a existência de uma quadrilha, que seria responsável por diversos homicídios na região do Alto Tietê.

Entre os integrantes dessa organização criminosa, foram identificados Josevaldo Fiuza dos Santos, conhecido como “Bracinho”, e José Pereira de Souza Júnior, conhecido como “Bahia”, ambos considerados pessoas de “alta periculosidade”, segundo afirma o delegado Rubens José Ângelo, que está à frente do SHPP .

A concessão de prisões temporárias para os suspeitos foi solicitada pelo delegado Rubens José Ângelo, e o pedido que concedido pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Itaquaquecetuba.

“Cabe destacar que, Josevaldo Fiuza dos Santos, vulgo “Bracinho” e José pereira de Souza júnior, ‘vulgo Bahia’, possuem anotações policiais, pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo, roubo consumado e receptação dolosa consumada, denotando suas propensões para as práticas criminosas, e investigados em diversos homicídios (aproximadamente 09  ou 10)”, informa nota encaminhada a imprensa.

Apesar dos esforços das autoridades, Josevaldo “Bracinho” e José Pereira “Bahia” encontram-se foragidos e a SHPP prossegue em busca para realizar as prisões.

Veja Também