MENU
BUSCAR
Regularização

Desbloqueio de CNHs suspensas no Estado de São Paulo agora é automático

Com a automação do sistema o documento será regularizado em até 48 horas, após a conclusão do curso de reciclagem

O DiárioPublicado em 22/12/2020 às 08:43Atualizado em 22/12/2020 às 08:46
Para acompanhar todo o processo, basta conferir o status da CNH pela internet / Marcello Casal Jr - Agência Brasil
Para acompanhar todo o processo, basta conferir o status da CNH pela internet / Marcello Casal Jr - Agência Brasil

Para suprir uma demanda recorrente dos cidadãos, principalmente durante a pandemia do coronavírus, o Detran.SP implementou um novo serviço em seu sistema de dados que possibilita o desbloqueio automático das Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs) suspensas em todo o Estado de São Paulo.

Com a nova funcionalidade, o condutor após cumprir o período de suspensão estabelecido pelo órgão e comparecer a um CFC para realizar a conclusão do curso de reciclagem, não terá mais que entregar presencialmente o certificado de reciclagem em uma das unidades de atendimento, como era feito anteriormente.

Sendo assim, após o CFC incluir os certificados de conclusão do curso de reciclagem nos prontuários e passado o período de cumprimento da suspensão, a nova tecnologia reconhecerá a regularização e os desbloqueios acontecerão em até 48 horas. Para acompanhar todo o processo, basta conferir o status da CNH no site do Detran.SP ou no portal do Poupatempo.

Os condutores com CNH suspensa que tiverem perdido o documento ou queiram adicionar ou mudar de categoria, após o cumprimento da penalidade e com a situação regularizada, poderão solicitar a segunda via através dos canais digitais do Poupatempo (www.poupatempo.sp.gov.br e app Poupatempo Digital).

Para o Presidente do Detran.SP, Ernesto Mascellani Neto, a medida faz parte do processo de modernização do Detran para beneficiar os cidadãos “Estamos empenhados nesse processo de transformação digital do Detran.SP e a partir de agora o desbloqueio ocorrerá de forma rápida, ágil e automática.”

Suspensão da CNH

A suspensão acontece quando o motorista atingir 20 pontos ou mais de penalização dentro do período de um ano ou no caso de cometer alguma infração que por si só gere a suspensão da CNH. Assim que notificado sobre a suspensão, o motorista pode apresentar uma defesa em relação às multas que constam em seu nome. Se o pedido for indeferido ou caso a defesa não seja apresentada, o motorista terá sua carteira suspensa pelo período aplicado no processo administrativo.

O condutor deve acessar o portal – www.poupatempo.sp.gov.br – ou aplicativo Poupatempo Digital para selecionar a opção e dar início ao procedimento. Depois, deverá comparecer a um Centro de Formação de Condutores (CFCs/autoescolas) para realização do curso e prova de reciclagem.

ÚLTIMAS DE Brasil