MENU
BUSCAR
INFORMAÇÃO

Câmara de Mogi aprova projeto de IPTU Verde

Medida visa oferecer descontos do imposto para quem defender, preservar e proteger áreas verdes em suas propriedades localizadas no município

DARWIN VALENTEPublicado em 18/11/2021 às 18:40Atualizado há 11 dias
Casas que preservarem o verde em suas áreas poderão receber desconto no IPTU em Mogi / Divulgação
Casas que preservarem o verde em suas áreas poderão receber desconto no IPTU em Mogi / Divulgação

A Câmara de Mogi aprovou o projeto do IPTU Verde, de autoria dos vereadores Milton Lins da Silva (PSD) e Inês Paz (PSOL). 

A proposta prevê desconto na cobrança do IPTU para propriedades que preservem e protegem áreas verdes, investindo em sistemas de captação com reuso de água de chuva, de energia solar, telhados e/ou paredes verdes, entre outras medidas ecologicamente corretas. 

Enquanto “Bi-Gêmeos” fala em “preservação de um ambiente equilibrado para as futuras gerações, com muito mais qualidade de vida”, Inês diz que o  projeto é uma resposta ao momento em que  “planeta sofre as depredações e devastações para atender o lucro de uma pequena parcela da sociedade”.

Despedindo de Vovó Joana

A família Campos se despediu da avó Joana, como ela gostaria  que fosse sua partida: cerca de uma centena de familiares reunidos num restaurante de Braz Cubas, onde as músicas favoritas dela foram lembradas e cantadas, em meio a reencontros , choro e uma certeza: 

“Junto com a dor da perda, o sentimento de todos nós é de missão cumprida, pois fizemos por ela tudo o que poderíamos ter feito”, disse padre Alessandro Campos à coluna, ontem. 

“Só tenho a agradecer a Deus; fiquei surpreso com o carinho do bispo, padres, colegas de trabalho e tantas outras pessoas que sempre tiveram um carinho muito grande pela vó Joana. Uma senhora de Minas Gerais me abraçou chorando e disse que fez questão de vir a Mogi para se despedir da vó Joana, assim como pessoas de outros locais. Isso é carinho e amor”, garantiu.

"Rouxinol" lança o livro "Mogy Antiga"

O momento tão esperado agora já tem data para acontecer: no dia 11 de dezembro, um sábado, Rosival dos Santos, ou o “Rouxinol Mogi” estará, finalmente, lançando o seu livro “Mogy Antiga”.  Será na sede da Igreja da Ordem Terceira do Carmo, na rua São João, no centro, entre 15 e 19 horas. 

O livro de estreia do escritor, um eterno apaixonado pelas histórias do passado mogiano e leitor voraz das obras de Isaac Grinberg, Jurandyr Ferraz de Campos, Chico Ornellas, Jair Batalha  e outros, traz artigos curtos e de fácil leitura, relatando fatos históricos e mostrando personagens da Mogi de tempos atrás, publicados por ele  em sua coluna no jornal “A Semana”.  

ÚLTIMAS DE Informação