Diário Logo

O Diário Logo

Dicas para evitar que o vinho e o café prejudiquem os dentes

Com a chegada do inverno, bebidas como café e vinho podem se tornar ainda mais frequentes em nosso dia a dia. Porém, é importante estarmos atentos aos efeitos que o consumo excessivo desses produtos pode gerar para a saúde bucal, especialmente nos dentes.  Ação do café nos dentes A ingestão em excesso do café pode […]

3 de julho de 2024

Reportagem de: Edicase Conteúdo

Com a chegada do inverno, bebidas como café e vinho podem se tornar ainda mais frequentes em nosso dia a dia. Porém, é importante estarmos atentos aos efeitos que o consumo excessivo desses produtos pode gerar para a saúde bucal, especialmente nos dentes. 

Ação do café nos dentes

A ingestão em excesso do café pode acarretar diversos problemas dentários, sendo as manchas um dos mais comuns. A bebida contém cromógenos e taninos, substâncias que se aderem ao esmalte, causando uma coloração amarelada ou acastanhada.

“Além disso, sua leve acidez pode contribuir para a erosão do esmalte quando ingerido em grandes quantidades, deixando os dentes mais sensíveis e propensos a cáries”, destaca Manuella Lamarão, coordenadora do curso de Odontologia da Faculdade Anhanguera.  

Ação do vinho na saúde bucal

Já o vinho, especialmente o tinto, é conhecido por manchar os dentes devido aos pigmentos escuros. O vinho branco também pode causar esse efeito, tornando os dentes mais suscetíveis a outras manchas. Ambos os tipos são altamente ácidos, o que pode levar à erosão do esmalte, resultando em dentes mais fracos e sensíveis.

“Outro possível problema está relacionado ao teor alcoólico, que pode causar desidratação oral, reduzindo a produção de saliva e comprometendo a capacidade da boca de neutralizar ácidos e eliminar bactérias, aumentando o risco de cáries e mau hálito”, comenta a docente.  

Mulher escovando o dente
É importante escovar os dentes pelo menos duas vezes ao dia (Imagem: Ground Picture | Shutterstock)

Como manter a higiene bucal

De acordo com Manuella Lamarão, para mitigar esses efeitos, é fundamental manter uma higiene bucal rigorosa, escovando os dentes pelo menos duas vezes ao dia e usando fio dental diariamente. O uso de enxaguante bucal pode ajudar a remover resíduos e proteger contra cáries e manchas. Além disso, alternar o consumo de café e vinho com água pode reduzir a aderência das substâncias aos dentes, diminuir a acidez na boca e evitar o mau hálito.   

“É recomendado realizar consultas regulares ao dentista, elas são essenciais para monitorar e tratar problemas bucais precocemente. Essas práticas ajudam a preservar a saúde bucal mesmo com o consumo frequente dessas bebidas”, finaliza a dentista. 

Por Nicholas Montini 

Veja Também