Diário Logo

O Diário Logo

Sesc Mogi recebe a Filarmônica Afrobrasileira e Alldrey Eloise a partir de hoje

O final de semana no Sesc Mogi das Cruzes reúne atrações que estreiam no endereço cultural: hoje (25),  a Filafro Pop Orquestra – grupo musical da Filarmônica Afrobrasileira, formado por cordas, sopros e percussão se apresenta com a regência do maestro Josoé Polia, e recebe a cantora Izzy Gordon para mostrar a diversidade cultural herdada […]

25 de maio de 2023

Reportagem de: O Diário

O final de semana no Sesc Mogi das Cruzes reúne atrações que estreiam no endereço cultural: hoje (25),  a Filafro Pop Orquestra – grupo musical da Filarmônica Afrobrasileira, formado por cordas, sopros e percussão se apresenta com a regência do maestro Josoé Polia, e recebe a cantora Izzy Gordon para mostrar a diversidade cultural herdada com a diáspora africana ao mundo Afro Atlântico. O nome do show é Sotakes D’África.

O repertório abrange diferentes ritmos e gêneros musicais, como o samba, jazz, tango, kizomba, choro, blues, entre outros.

Josoé Polia, fundador e responsável pela direção artística e musical da orquestra explica que a Filafro Pop é conhecida pela exigência na seleção de seu repertório.

É uma orquestra composta de grandes músicos, entre eles o contrabaixista Sidiel Vieira, os pianistas Yaniel Matos e Pepe Cisneros, o guitarrista Gileno Foinquinos, o violinista Renato Pereira e o trompetista Sidmar Vieira. Izzy Gordon confirmou seu talento como cantora no musical “Emoções Baratas” (JoséPossi Neto).

Em 1993 gravou no disco “23”, de Jorge Ben Jor, com quem saiu em turnê. E deixando claro seu potencial eclético, fez backing vocal para o Deep Purple. A artista circula por todos os eventos e festivais de jazz e blues do Brasil. Já se apresentou nos melhores palcos do país e inúmeros eventos populares. Seu primeiro álbum, “Aos Mestres com Carinho” de 2005, foi também uma homenagem à sua tia, cantora e compositora Dolores Duran.

Quando – hoje, quinta-feira (25), das 20h às 21h15 Tenda – Sem Retirada de Ingressos – Grátis

Música

No domingo, o Sesc Mogi apresenta o show Raízes, com a cantora e intérprete brasileira Alldry Eloise, e direção musical do moçambicano Otis Selimane Remane.

O espetáculo tem um repertório autoral cheio de personalidade e parcerias. Com direção musical de Otis Selimane Remane, a artista propõe uma viagem sonora reverenciando a ancestralidade e o antepassado. Uma reverência sonora a ancestralidade viva e morta, abordando narrativas e temas que dialogam com a luta das mulheres negras contra a opressão de gênero.

Seu 1°single ‘Basta’ (2018) é uma canção de sua autoria que propõe uma reflexão sobre o feminicídio, a violência doméstica e a possibilidade de se reerguer quando o apoio necessário chega, ainda que na subjetividade. Destaque ainda para a canção Canto dos Escravos II de ‘Clementina de Jesus’, que nos deixou um grande legado e é um grande elo entre a cultura do Brasil-África. Seu timbre marcante, aveludado e potente nos brinda com um show intimista, delicado e profundo.

Quando – Dia 28/05, Domingo, das 16h às 17h15 – Tenda – Grátis | Sem retirada de Ingressos.

Teatro 

No sábado, os mogianos e moradores de cidades da região poderão acompanhar a peça de teatro Os Coloridos, com a Companhia Os Crespos, Nela, duas araras, uma vermelha e outra amarela, falam uma para a outra sobre suas diferenças culturais e o valor de suas cores, numa disputa de superioridade. Mas com a chegada da arara azul, todos passam a conhecer a história da arara de muitas cores – e descobrem a beleza de serem coloridos.

A montagem reúne personagens com diferentes identidades, baseadas em mitos e contos africanos, afrobrasileiros e indígenas e convida o público a fazer parte da brincadeira.

A obra questiona a visão deformante do racismo de forma lúdica, utilizando uma multiplicidade de cores como dispositivo para a reflexão sobre a diversidade cultural e étnica do país.

A Cia Os Crespos é uma coletiva de pesquisa cênica e audiovisual, que se debruça sobre as relações raciais na sociedade brasileira contemporânea e seus desdobramentos históricos. Fundada em 2005, a grupo produz espetáculos teatrais, projetos audiovisuais, debates e intervenções públicas a partir de diferentes referências africanas e negras, tendo circulado por diversos Estados do Brasil e participado de festivais na Alemanha e Espanha. Haverá a interpretação simultânea em LIBRAS

Direção: Lucelia Sergio Texto: Cidinha da Silva Elenco: Joyce Barbosa, Lucelia Sergio e Raphael Garcia

Quando – Dia 27/05, Sábado, das 16h às 16h50.

Veja tudo:

Confira a agenda completa do Sesc Mogi das Cruzes no site da entidade, onde é possível acompanhar outras novidades e ações realizadas diariamente no espaço, no bairro do Socorro (clique e acesse a agenda do final de semana).

 

Veja Também