Diário Logo

Notizia Logo

Homens são detidos suspeitos de soltarem balões em Biritiba

Neste domingo (3), a Polícia Militar de Mogi das Cruzes prendeu dois suspeitos de soltar balões em Biritiba Mirim. Os homens tentavam resgatar os balões que caíram em uma lavoura na Estrada Arthur Alberto Nardy, no bairro do Sogo. O flagrante foi feito durante uma operação da polícia, que também apreendeu fogos de artifícios que […]

4 de julho de 2022

Reportagem de: O Diário

Neste domingo (3), a Polícia Militar de Mogi das Cruzes prendeu dois suspeitos de soltar balões em Biritiba Mirim. Os homens tentavam resgatar os balões que caíram em uma lavoura na Estrada Arthur Alberto Nardy, no bairro do Sogo.

O flagrante foi feito durante uma operação da polícia, que também apreendeu fogos de artifícios que estavam com os suspeitos. Eles foram encaminhados para a delegacia e só foram liberados após o pagamento de uma multa de R$ 10 mil cada um.

Nesta época do ano, que sucede as festas juninas e acontecem as festas julinas, os balões costumam ser vistos em maior número no céu de Mogi. Ontem, no início da noite, era possível ver um caindo próximo ao bairro do Mogilar.

No mês passado, uma fábrica clandestina de balões foi flagrada em Ferraz de Vasconcelos e um homem foi detido.

Crime

Instituída em fevereiro de 1998, a lei nº 9.605 foi criada com o objetivo de proteger as florestas e vegetações, bem como evitar riscos para a vida humana, dos animais ou plantas. O artigo 42 da legislatura afirma que “fabricar, vender, transportar ou soltar balões que possam provocar incêndios nas florestas e demais formas de vegetação, em áreas urbanas ou qualquer tipo de assentamento humano” são ações passíveis de uma pena de detenção de um a três anos ou multa, ou ambas as penas cumulativamente.

Veja Também