Diário Logo

Notizia Logo

Dom Paulo Mascarenhas Roxo se recupera na UTI após cirurgia

Neste domingo (22), a Diocese de Mogi das Cruzes emitiu um comunicado sobre o estado de saúde do bispo emérito dom Paulo Mascarenhas Roxo, da Ordem Premonstratense (Opraem). De acordo com a nota assinada pelo bispo diocesano dom Pedro Luiz Stringhini, Roxo está em recuperação na Unidade de Terapia Intensiva após passar por cirurgia no […]

23 de maio de 2022

Reportagem de: O Diário

Neste domingo (22), a Diocese de Mogi das Cruzes emitiu um comunicado sobre o estado de saúde do bispo emérito dom Paulo Mascarenhas Roxo, da Ordem Premonstratense (Opraem). De acordo com a nota assinada pelo bispo diocesano dom Pedro Luiz Stringhini, Roxo está em recuperação na Unidade de Terapia Intensiva após passar por cirurgia no sistema digestivo, realizado na última quinta-feira (19).

No dia 20, o bispo mérito precisou ser intuba e já no dia seguinte pode ser extubado. O médico que acompanha o caso dele afirmou que reduziu a medicação e que notou uma melhora significativa. Ainda no dia 22, continuou a apresentar melhora.

LEIA TAMBÉM:

Dom Paulo Mascarenhas Roxo é internado em hospital de São Paulo

Dom Paulo Mascarenhas Roxo fará cirurgia no sistema digestivo

O comunicado diz ainda que Roxo está falando com rouquidão por conta de ferimentos na boca pelo processo de intubação. Também afirma que ele se mantém sempre consciente, sem dor nem febre, respondendo bem à medicação. O coração está fraco e, por isso, o religioso precisou de pequena dosagem de adrenalina. Os remédios para o coração estão sobrecarregando um pouco os rins. Pode ser que precise diálise.

“As 48 horas mais críticas já passaram, mas há ainda um caminho a ser percorrido. Continuemos rezando por ele. Deus o abençoe e o fortaleça”, finaliza a nota.

História

Em 12 de junho, o bispo Dom Paulo Mascarenhas Roxo completará 94 anos. Religioso da Ordem Premonstratense (Opraem), foi ordenado sacerdote no mesmo ano, em 20 de agosto de 1952, em Pirapora do Bom Jesus, São Paulo, pelo então bispo-auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, Dom Paulo Rolim Loureiro.

Em 7 de dezembro de 1989, foi nomeado bispo para a Diocese de Mogi das Cruzes. A posse canônica como terceiro bispo da Diocese de Mogi das Cruzes foi realizada no dia 11 de fevereiro de 1990, no Ginásio de Esportes da Universidade Braz Cubas.

Após quatorze anos de episcopado, pediu renúncia ao atingir o limite de idade, a qual foi oficializada pelo papa em 4 de agosto de 2004. Substituiu-lhe o então bispo-auxiliar da Diocese de Santo André, dom Airton José dos Santos, que foi substituído por dom Pedro Luiz Stringhini, em setembro de 2012.

Veja Também