Diário Logo

O Diário Logo

Mogi encerra atendimentos emergenciais para dengue nos Postos de Saúde

A partir desta sexta-feira (14), os pacientes com suspeita de dengue devem procurar uma UPA, já as crianças devem ser conduzidas ao Vagalume

13 de junho de 2024

UPA de Jundiapeba é uma das opções para atendimento de casos de dengue | Divulgação: PMMC

Reportagem de: O Diário

A Secretaria Municipal de Saúde está encerrando nesta semana o atendimento sem agendamento prévio para casos suspeitos de dengue nos Postos de Saúde e unidades da Estratégia Saúde da Família de Mogi das Cruzes.

A partir de sexta-feira (14), os pacientes devem procurar uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade. As crianças devem ser conduzidas preferencialmente ao Vagalume, no Mogilar, e ao Pronto Atendimento 24 horas do Hospital Municipal, em Braz Cubas.

A liberação de agendas nas unidades básicas para dengue foi adotada no final de fevereiro para ampliar as opções de atendimento diante da alta de casos. De acordo com o Painel de Monitoramento da Divisão Dengue, Zika e Chikungunya do Estado de São Paulo, Mogi das Cruzes registrou 6.579 casos positivos e dez óbitos. Há, ainda, 7.909 exames aguardando resultados, mas segundo a administração municipal, a procura pelos pronto atendimentos está em queda desde as últimas semanas.

Veja Também