Diário Logo

Notizia Logo

O Rei do acesso: técnico do Usac já levou 4 times para a série A-3

A ótima campanha que o treinador Ricardo Costa vem fazendo à frente do União Suzano Atlético Clube (Usac), no Campeonato Paulista sub-23 da Segunda Divisão (equivalente à quarta divisão estadual), pode confirmar ainda mais o apelido que recebeu nos últimos anos, o de “Rei do Acesso”. Caso, neste final de semana, o time suzanense conquiste […]

22 de outubro de 2021

Reportagem de: O Diário

A ótima campanha que o treinador Ricardo Costa vem fazendo à frente do União Suzano Atlético Clube (Usac), no Campeonato Paulista sub-23 da Segunda Divisão (equivalente à quarta divisão estadual), pode confirmar ainda mais o apelido que recebeu nos últimos anos, o de “Rei do Acesso”. Caso, neste final de semana, o time suzanense conquiste uma vaga na Série A-3 de 2022, esta será a quinta equipe a subir de divisão pelas mãos do técnico, desde 2016.

Neste domingo (24), o Usac enfrenta o Grêmio Prudente pelo segundo jogo da semifinal da competição paulista (leia mais na próxima página). No primeiro jogo, a equipe de Ricardo Costa venceu por 3 a 2, na casa do adversário. Caso seja classificado para a final, os suzanenses já têm o acesso garantido.

“Mesmo com a vantagem, os outros jogos acabam ficando para trás. Cada partida tem sua história e é um grande time que vamos enfrentar. Nós temos muito respeito e pé no chão. Sempre preguei que ainda não ganhamos nada e que, apesar dos bons resultados e da boa campanha, precisamos ter foco para conquistar nosso principal objetivo, que é o acesso”, afirma o técnico.

Aos 40 anos de idade, Costa se diz feliz com tudo o que vem conquistando e ressalta que ainda tem uma muitos anos de carreira pela frente. Mas, o título de “Rei do Acesso”, ele deixa mais para o lado pessoal, enquanto no profissional faz questão de exaltar cada equipe em que já atuou e lembra que cada uma delas conta uma história, assim como cada campeonato em que ele conquistou o acesso.

Em 2016, foi a primeira vez que o treinador conseguiu subir de divisão, quando fez a Portuguesa Santista campeã. Na sequência, foi a vez do EC São Bernardo, em 2017, e do Marília, em 2019, conquistarem a vaga na Série A-3, após serem vice-campeões. A conquista mais recente aconteceu no ano passado, quando o técnico fez o São José campeão do Paulista da Segunda Divisão.

“Claro que busco levar tudo isso como experiência para cada time que passo, mas isso não entra em campo. E não existe um segredo que não seja muito trabalho e dedicação. Eu estou sempre estudando, tento conduzir bem o grupo, ter o respeito dos atletas. Quando o grupo abraça nossa ideia, o ambiente é favorável para o trabalho e as coisas vão se encaixando. O que eu quero é sempre extrai o melhor de cada jogador”, revela Costa.

E nesse aspecto, essa vontade de tirar o melhor dos atletas, ele tem uma inspiração: Tite, o técnico da Seleção Brasileira. Costa acredita que, atualmente, Tite seja o melhor técnico que o País tem, principalmente pela característica já citada e por ele ser um treinador que está sempre estudando e se atualizando.
“O futebol tem muita vaidade e nem sempre é fácil conseguir conduzir um grupo, até porque são atletas jovens, de 23 anos. Mas as coisas vêm dando certo no Usac e espero que continuem dando certo”, diz o treinador que é de Campinas e começou a carreira em 2007, como técnico do sub-20 do Itapirense.

Muito trabalho e foco

Com as conquistas desde 2016, Ricardo Costa diz que não existe segredo, a não ser trabalhar muito e buscar sempre o melhor de cada jogador. Inspiração que vem do técnico da Seleção Brasileira, Tite.

Usac não perdeu no campeonato
 
Para chegar à semifinal do Campeonato Paulista sub-23 da Segunda Divisão, o União Suzano Atlético Clube (Usac) não perdeu um jogo sequer. Contando a partida de ida contra o Grêmio Prudente, o time teve 15 jogos, sendo 11 vitórias e apenas quatro empates. Foram ainda 32 gols marcados e outros seis sofridos. 
Neste domingo (24), contra o time de Presidente Prudente, os suzanenses poderão perder por até um gol de diferença, que ainda assim estarão na final da competição e, automaticamente, conquistarão o acesso para a Série A-3. Com os bons resultados, o Usac fez a melhor campanha entre os quatro times que chegaram à semifinal, que tem no outro embate o Matonense, de Matão, contra o Vocem, de Assis.

“Depois do jogo de ida, fica difícil preparar mais alguma coisa, porque temos pouco tempo entre um jogo e outro. No tempo que tivemos, nós aproveitamos para buscar acertar o que erramos na última partida. Nós temos agora um estudo melhor do adversário e sabemos que precisamos melhorar a parte ofensiva, para chegarmos bastante decisivos e aproveitarmos qualquer oportunidade que surgir”, revela o técnico do time, Ricardo Costa.

No primeiro embate da semifinal, o Usac garantiu a vitória sobre o Grêmio Prudente por 3 a 2 com um marcado por Patryck aos 49 minutos do segundo tempo.

 

Veja Também