MENU
BUSCAR
CASO

Homem que furtou até creme dental de uma clínica em Mogi é preso em flagrante

Homem tentou fugir, mas foi cercado pela Polícia Militar e capturado na rua Professor Flaviano de Melo

Fábio PalodettePublicado em 21/06/2021 às 15:39Atualizado há 1 mês
Equipe realizava patrulhamento na região central quando foi acionada após um furto /
Equipe realizava patrulhamento na região central quando foi acionada após um furto /

Um homem suspeito de furtar uma clínica odontológica na rua Dr. Ricardo Vilela, na região central de Mogi das Cruzes, foi localizado nas proximidades pouco após o crime, cercado e preso pela Polícia Militar (PM) na noite deste domingo (20). Ele tentou fugir, mas foi perseguido pelos agentes. As informações são da 1ª Companhia do 17º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano.

O indivíduo foi abordado pela Rua Professor Flaviano de Melo. Com ele, foi apreendido uma mochila com um estetoscópio, um aferidor de pressão, quatro enxaguantes bucais, 12 cremes dentais e até um carregador de celular. Ele teria confessado o crime aos policiais após ser questionado. .

Segundo a Comunicação, policiais Militares da 1ª Companhia do 17º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano patrulhavam na área central de Mogi das Cruzes quando o Centro de Operações da Polícia Militar (COPOM) informou a equipe sobre um furto em andamento numa clínica odontológica, na rua Ricardo Vilela.

"De imediato as equipes fizeram o cerco nas imediações, sendo que uma equipe que estava nos fundos do comércio, na Rua Barão de Jaceguai, visualizou um indivíduo pulando o muro, o qual, ao avistar a viatura, empreendeu fuga", informou a Comunicação em nota divulgada para a imprensa.

Foi realizado um breve acompanhamento, momento em que os policias militares deram ordem de parada ao indivíduo que não obedeceu e prosseguiu na fuga.

Após a perseguição, o suspeito foi então abordado na Rua Professor Flaviano de Melo, junto dos itens.

"Diante dos fatos foi dada voz de prisão ao infrator da lei que foi encaminhado à Central de Flagrantes de Mogi das Cruzes, onde o mesmos permaneceu à disposição da justiça", informou a PM.

ÚLTIMAS DE Polícia