Diário Logo

Notizia Logo

Vice de Caio Cunha vai depender de futuras composições partidárias

Apesar de negar terminantemente o distanciamento de sua atual vice-prefeita, Priscila Yamagami (PODE), como se comenta nos meios políticos locais, o prefeito Caio Cunha (PODE) admite que a escolha de uma futura companheira de chapa “será definida conforme as composições partidárias”. Isso significa que o cargo deverá ser utilizado em futuras negociações com partidos políticos […]

5 de maio de 2023

Reportagem de: O Diário

Apesar de negar terminantemente o distanciamento de sua atual vice-prefeita, Priscila Yamagami (PODE), como se comenta nos meios políticos locais, o prefeito Caio Cunha (PODE) admite que a escolha de uma futura companheira de chapa “será definida conforme as composições partidárias”.

Isso significa que o cargo deverá ser utilizado em futuras negociações com partidos políticos que possam vir a integrar o grupo de apoio eleitoral do prefeito com vistas às eleições do próximo ano na cidade.

Tal posição indica que, ao contrário do pleito passado, Caio pretende se guarnecer de uma forte estrutura político-partidária para buscar a reeleição.

E, para isso, vem negociando alguns cargos do atual governo com agremiações que deverão compor a sua base de apoio na futura campanha, garantindo-lhe, no mínimo, um bom tempo de exposição na televisão, durante o horário eleitoral gratuito.

O cargo de vice, pelo visto, está sendo guardado como uma espécie de talismã, capaz de atrair alguma agremiação de maior peso ou mesmo um nome de prestígio dentro da política local, que possa agregar maior prestígio – e votos – à campanha do atual prefeito.

E como fica a atual vice, Priscila Yamagami?

Caio faz questão de rebater as insinuações de que os dois estariam distanciados por conta de divergências que, segundo se comenta, está havendo entre eles.

Depois de postar, em uma rede social, imagens dele e Priscila, juntos e sorridentes, durante a “Noite do Riso”, evento que marcou o início da Campanha de Inverno do Fundo Social de Solidariedade, Caio assegurou à coluna:

“O mais importante é que, independente do cargo, eu e a Priscila continuamos juntos, ao contrário do que dizem por aí.”

Nos corredores da Prefeitura comenta-se, no entanto, que Priscila poderá disputar uma vaga de vereadora, com total apoio de seu partido, caso o prefeito opte por oferecer a vaga de vice a alguma outra pessoa.

Dessa forma, Caio Cunha vem dando seguidas demonstrações de atenção à sua campanha à reeleição, começando bem cedo a articular uma base que lhe dê a sustentação esperada. Mesmo que para isso tenha de usar a caneta visando assegurar espaço no governo para futuros aliados.

A 17 meses das próximas eleições, o prefeito tem obras em andamento que poderão ser inauguradas a tempo de lhe darem maior visibilidade como administrador. Longe das brincadeiras nas redes sociais que marcaram o início de sua administração, o prefeito corre contra o tempo para mostrar serviço e tentar alcançar os votos necessários para permanecer por mais quatro anos ano comando da Prefeitura.

Por suas ações até agora, Caio demonstra saber muito bem como serão difíceis as eleições de 2024 na cidade. E está se preparando para isso…

Veja Também