Diário Logo

O Diário Logo

GAECO e PM deflagram operação contra rede de agiotagem no Alto Tietê

Alvos da operação também estariam envolvidos com o PCC; juros cobrados pelo grupo chegavam a 300% ao mês

7 de maio de 2024

Devedores eram ameaçados e extorquidos caso não conseguissem pagar | Divulgação/MP-PR

Reportagem de: Fabricio Mello

A Polícia Militar e o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) realizam, hoje (7), a Operação Khalifa. A ação busca cumprir mandados de busca e apreensão e prisão temporária contra uma rede de agiotagem no Alto Tietê e na capital paulista.

Segundo divulgado pelo Ministério Público de São Paulo (MP-SP), os alvos da operação também fazem parte do Primeiro Comando da Capital (PCC). 

Além de integrar a facção, os investigados faziam empréstimos a terceiros com juros abusivos. De acordo com a investigação, as cobranças podiam chegar ao patamar de 300% ao mês. Quando o devedor não conseguia pagar, era vítima de ameaças e extorsão.

Ao todo, o GAECO e a PM cumprem 17 mandados de busca e apreensão e 11 de prisão temporária. A ação acontece na capital, Mogi das Cruzes, Arujá, Suzano, Poá, Santa Isabel e em São José dos Campos.

Veja Também