Diário Logo

O Diário Logo

Conheça causas e tratamentos da Artrose de Quadril, com ortopedista do Imot

Especialista em Cirurgia de Quadril do Imot fala sobre a coxartrose.

4 de julho de 2024

Reportagem de: Especial AGFE

Especialista em Cirurgia de Quadril do Imot fala sobre a coxartrose.

A coxartrose, também conhecida como artrose de quadril, é uma doença articular degenerativa que se caracteriza principalmente pelo desgaste da cartilagem desta articulação.  O quadril é formado pela parte femoral (cabeça e colo) e acetabular (bacia). Essa articulação tem como objetivo transmitir a carga do tronco para os membros inferiores, e tem uma amplitude de movimento tridimensional, ou seja, realiza movimentos em todos os eixos e direções.

Causas
O desgaste dessa articulação ocorre geralmente em pacientes idosos e com uma leve preferência em pacientes do sexo feminino. Nos pacientes jovens, na sua maioria das vezes, a artrose ocorre de forma secundaria. Algumas condições e malformações podem precipitar a degeneração dessa articulação. Por exemplo, sequela de fraturas ou infecções , malformações congênitas , e doenças autoimunes dentre outras.

Sintomas

O principal sintoma é a dor articular que, na grande maioria, ocorre na região da virilha e em alguns pacientes com irradiação para a região glútea. Os sintomas têm caráter insidioso e progridem lentamente. No início a dor aparece em flexões exageradas do quadril, esse movimento acontece quando tentamos tocar nos pés (cortar unhas, lavar os pés e sentar em locais baixos). Outro sintoma importante e a rigidez articular e em casos mais graves a contratura dessa articulação.

Tratamento

O tratamento pode ser dividido em dois tipos: Conservador e cirúrgico.

No início, tentamos tratamento conservador com o objetivo de alívio dos sintomas, porém não há cura para a artrose e isso quer dizer que mesmo que seja instituído o tratamento conservador, o paciente tem de saber que a doença continua progredindo. Nessa modalidade de tratamento orientamos mudança de hábitos para os pacientes, ou seja, explicamos quais movimentos e atividades são prejudiciais para essa articulação. Podemos iniciar o uso de algumas classes medicamentosas como condroprotetores e nos casos de crise de dor, optamos pelo uso de analgésicos e anti-inflamatórios.

Também é importante realizar fisioterapia para manutenção da musculatura que envolve essa articulação, já que devido a doença ocorre uma atrofia importante da musculatura, piorando ainda mais os sintomas e fragilizando essa articulação.

Outras medidas para alívio dos sintomas podem ser indicadas na particularidade de cada caso como, infiltrações articulares para viscossuplementação e bloqueios de nervos sensitivos dessa articulação. Na falência desse tratamento, ou em casos de artrose avançada, indicamos o tratamento cirúrgico. A principal cirurgia é a artroplastia total de quadril, ou prótese total de quadril. Nesse procedimento o cirurgião “ troca” o quadril do paciente .Essa é uma cirurgia com uma taxa de sucesso elevadíssima, beirando os 95% de bom ou excelente resultado. Isso quer dizer que o paciente geralmente recupera grande parte dos movimentos e há a melhora da dor, permitindo, em muitos casos até prática esportiva de alto rendimento.

Hoje em dia essa cirurgia evoluiu tanto do ponto de vista técnico, ou seja, utiliza-se técnicas minimante invasivas como também houve evolução significativa da qualidade dos implantes (próteses) aumentado bastante sua via útil e com desenhos mais apropriados. Mesmo assim, trata-se de um procedimento cirúrgico e o paciente deve discutir com o médico sobre complicações e resultados esperados, bem como seguir o protocolo de reabilitação indicado pelo seu médico. Nós do Imot podemos te ajudar!

Sobre o Imot

O IMOT é um dos maiores institutos especializados em Ortopedia e Traumatologia do Brasil. Atualmente conta com duas unidades, nas cidades de Mogi das Cruzes e Suzano, na Grande SP, com pronto atendimento, consultas, fisioterapia, hidroterapia e diversos tratamentos especializados. O pronto atendimento funciona todos os dias na unidade mogiana, das 8h às 22h.   A unidade de Mogi conta ainda com o Imot Care, um andar inteiro pensado para tratamento e prevenção de fraturas e contusões, além de 11 especialidades médicas em diferentes áreas. Já a Imot Move Saúde é uma clínica do movimento e promoção de saúde, que atende no 2º andar do prédio. Para mais informações, acesse o site do Imot.

Veja Também