Diário Logo

O Diário Logo

Irisina: a proteína do exercício que protege o cérebro

Ortopedista do Imot Move Saúde explica de que forma o exercício físico ajuda a manter a saúde do cérebro.

7 de junho de 2024

Imot Move Saúde, a clínica do movimento e promoção de saúde| Imot Move Saúde

Reportagem de: Especial AGFE

Você sabia que o simples ato de se exercitar pode trazer benefícios incríveis para o seu cérebro? Além de fortalecer os músculos e melhorar a saúde cardiovascular, o exercício físico libera uma proteína poderosa chamada Irisina, que desempenha um papel crucial na proteção do nosso cérebro.

A Irisina é uma proteína que os nossos músculos produzem quando nos exercitamos, especialmente durante atividades aeróbicas, como caminhar, correr ou andar de bicicleta. Ela foi descoberta em 2012 e, desde então, tem despertado grande interesse na comunidade científica devido aos seus inúmeros benefícios para a saúde.

Como a Irisina protege o cérebro?

1. Estimulação do Crescimento de Novos Neurônios: A Irisina ajuda a estimular o crescimento de novos neurônios, as células nervosas do nosso cérebro. Esse processo é conhecido como neurogênese e é fundamental para manter a nossa memória e habilidades cognitivas afiadas.

2. Melhora da conexão entre neurônios: Além de promover o nascimento de novos neurônios, a Irisina também melhora as conexões entre eles. Isso significa que nosso cérebro funciona de maneira mais eficiente, facilitando a comunicação entre diferentes áreas cerebrais.

3. Proteção contra Doenças Neurodegenerativas: Estudos sugerem que a Irisina pode ajudar a proteger o cérebro contra doenças como o Alzheimer. Ela parece reduzir a inflamação no cérebro e combater a morte das células nervosas, que são características dessas doenças.

 4. Combate ao Envelhecimento Cerebral: Com o passar dos anos, nosso cérebro pode sofrer um declínio natural na função cognitiva. A Irisina ajuda a retardar esse processo, mantendo o cérebro jovem e ativo por mais tempo.

A boa notícia é que qualquer tipo de exercício físico pode aumentar os níveis de Irisina no corpo. Não é necessário se tornar um atleta. Atividades simples e regulares, como caminhar pelo bairro, fazer jardinagem, ou praticar uma dança, já são suficientes para beneficiar seu cérebro.

Conclusão

Incorporar exercícios físicos na sua rotina não só fortalece o corpo, mas também protege e melhora a função do seu cérebro, graças à ação da Irisina. Portanto, da próxima vez que pensar em pular o treino, lembre-se: cada movimento conta para manter seu cérebro saudável e funcionando bem. Na Imot Move Saúde, a clínica do movimento e promoção de saúde, a gente te ajuda a se exercitar de forma correta. Agende um atendimento!

Sobre o Imot

O IMOT é um dos maiores institutos especializados em Ortopedia e Traumatologia do Brasil. Atualmente conta com duas unidades, nas cidades de Mogi das Cruzes e Suzano, na Grande SP, com pronto atendimento, consultas, fisioterapia, hidroterapia e diversos tratamentos especializados. O pronto atendimento funciona todos os dias na unidade mogiana, das 8h às 22h.   A unidade de Mogi conta ainda com o Imot Care, um andar inteiro pensado para tratamento e prevenção de fraturas e contusões, além de 11 especialidades médicas em diferentes áreas. Já a Imot Move Saúde é uma clínica do movimento e promoção de saúde, que atende no 2º andar do prédio. Para mais informações, acesse o site do Imot.

Veja Também