Diário Logo

Notizia Logo

7 séries para aprender sobre gestão de pessoas e liderança

Manter-se atualizado é uma das tarefas diárias que todo bom gestor deve realizar. A capacitação, muitas vezes, vai além da participação em eventos corporativos, treinamentos e boa leitura. Além dos caminhos tradicionais, é possível aprender de uma maneira mais leve, até por meio de séries de televisão. “Compreender os personagens de uma série e identificar […]

27 de março de 2024

Reportagem de: Edicase Conteúdo

Manter-se atualizado é uma das tarefas diárias que todo bom gestor deve realizar. A capacitação, muitas vezes, vai além da participação em eventos corporativos, treinamentos e boa leitura. Além dos caminhos tradicionais, é possível aprender de uma maneira mais leve, até por meio de séries de televisão.

“Compreender os personagens de uma série e identificar seus pontos fortes e áreas a serem desenvolvidas podem proporcionar uma assimilação de informações escassas na educação formal. Assistir a séries pode ser uma forma relaxante e divertida de aprender valiosas lições sobre gestão de pessoas”, diz Távira Magalhães, diretora de Recursos Humanos (CHRO) da Sólides, HR Tech (empresa de gestão de pessoas para pequenas e médias empresas).

A seguir, ela indica 7 opções de séries que combinam entretenimento com aprendizado. Confira!

1. How to Get Away with Murder

Capa da série "How to Get Away with Murder"
“How to Get Away with Murder” incentiva gestores a conhecerem seus liderados (Imagem: Reprodução digital | ABC Studios)

Na série, a atriz Viola Davis interpreta a advogada e professora Annalise Keating. Ela conta com uma equipe bastante dedicada e leal, como qualquer gestor gostaria de ter. O principal aprendizado sobre gestão que a produção passa é sobre prestar atenção e conhecer bem cada liderado.

A protagonista busca o desenvolvimento das habilidades de cada um e delega tarefas de forma muito eficiente, mostrando que a confiança na própria equipe é essencial para o sucesso de todos. Além disso, os personagens enfrentam constantemente situações de alta pressão e tomada de decisão sob pressão, destacando a importância da resiliência, raciocínio rápido e avaliação cuidadosa das opções disponíveis ao lidar com situações críticas.

Onde assistir: Netflix.

2. House of Cards

Cena da série "House of Cards"
“House of Cards” oferece lições valiosas sobre o que não fazer em momentos de crise (Imagem: Reprodução digital | Media Rights Capital, Trigger Street, Productions Wade/Thmas, Productions Knight e Takes King Productions)

Entre as sugestões desta lista, “House of Cards” pode parecer um pouco estranha, já que o protagonista Frank Underwood (Kevin Spacey) é um político sem escrúpulos. Embora a série possa apresentar exemplos extremos e moralmente questionáveis de gestão de pessoas, ainda assim oferece ideias valiosas, principalmente sobre o que não fazer em situações de crises, conflitos, liderança e ética no local de trabalho.

Frank é mestre em construir alianças e influenciar pessoas para alcançar seus objetivos. Ele demonstra como o networking e a habilidade de persuasão podem ser ferramentas poderosas na gestão de pessoas e na sua busca pelo poder.

Onde assistir: Netflix.

3. Suits

Capa da série "Suits"
“Suits” é uma série sobre resolução de casos por advogados (Imagem: Reprodução digital | Untitled Korsh, Company Hypnotic, Films & Television e Universal Cable Productions)

“Suits” é uma série sobre a resolução de casos por uma equipe de advogados. Apesar de o personagem central, Mike (Patrick J. Adams), não ter o título formal de advogado, ele mostra uma habilidade muito importante, conhecida como zoom out, na qual ele se distancia da situação e enxerga outros pontos de vista, que ajudam a esclarecer os casos. Esta técnica é algo que os gestores podem utilizar em diversos momentos.

Outro protagonista, Harvey (Gabriel Macht), exemplifica o conceito de liderança carismática: ele é confiante, assertivo e inspira sua equipe a alcançar resultados excepcionais. Sua capacidade de motivar os outros e liderar demonstra como o carisma pode ser uma ferramenta poderosa na gestão de pessoas.

Onde assistir: Netflix.

4. The Crown 

Capa da série 'The Crown'
“The Crown” ensina a liderar considerando as necessidades do próximo (Imagem: Reprodução digital | Netflix)

“The Crown” é uma série biográfica da Netflix e aborda o reinado de Elizabeth II. A obra destaca temas como sucessão, gerenciamento de crises e liderança. Um dos destaques é a abordagem sobre o estilo de tomada de decisão leve da monarca. A produção mostra a necessidade de uma sucessão adequada na monarquia, enfatizando a importância da liderança e da visão estratégica. 

Elizabeth II demonstra uma liderança empática ao considerar não apenas suas próprias necessidades, mas também as de seu povo e de sua família. A rainha ainda manifesta habilidades de comunicação, humildade para aprender e capacidade de reconhecer e corrigir erros. Além disso, a obra também ressalta a importância da cooperação e a necessidade de tomar decisões racionais em momentos de crise.

Onde assistir: Netflix.

5. La Casa de Papel

Capa da série 'La Casa de Papel'
“La Casa de Papel” ajuda os gestores a lidarem com as mudanças nos negócios (Imagem: Reprodução digital | Netflix)

Essa série espanhola conquistou fãs em todo o planeta há alguns anos. Na trama, os personagens são assaltantes que invadem a Casa da Moeda do país e fabricam o próprio dinheiro que será levado.

O chefe do grupo, o Professor (Álvaro Morte), demonstra habilidades de liderança ao planejar meticulosamente cada passo do assalto e tomar decisões difíceis sob pressão. Ainda assim, o plano do assalto é constantemente ajustado conforme os imprevistos que surgem. Isso destaca a importância da flexibilidade e da capacidade de adaptação à mudança, especialmente em ambientes dinâmicos e em constante evolução.

Onde assistir: Netflix.

6. Good Girls

Capa da série Good Girls
Do ponto de vista da liderança, “Good Girls” ensina os líderes a terem uma visão de futuro (Imagem: Reprodução digital | NBC)

Agora, uma indicação mais leve. “Good Girls”, uma série de comédia, conta a história de três mulheres que decidem assaltar um mercado. O que seria apenas um assalto vai se complicando ao longo da história e elas ficam cada vez mais enroladas.

Do ponto de vista da liderança, a personagem Beth Boland (Christina Hendricks) está sempre à frente das decisões, mas nunca as toma sem consultar suas parceiras. Ela mostra coragem e atitude para assumir riscos, além de muita inteligência emocional em momentos de grande tensão.

Onde assistir: Netflix.

7. WeCrashed

Cena da série “WeCrashed”
“WeCrashed” oferece lições valiosas sobre a relação com os colaboradores (Imagem: Reprodução digital | AppleTV+)

Para fechar nossa lista, uma indicação baseada em fatos. A série mostra os altos e baixos da história da “WeWork” (empresa de aluguel de espaços para escritórios compartilhados), destacando questões de gestão, cultura corporativa, relacionamentos com investidores e outros aspectos do mundo dos negócios. Um quesito relevante abordado na trama se refere à importância de definir bem os ritos de cultura e não causar exposição de nenhum colaborador.

As empresas devem se atentar para a base das relações humanas que é o respeito. Cabe ressaltar também que a definição clara de papéis e responsabilidades (com uma descrição de cargos adequada, na qual cada um sabe o que se espera do seu cargo e como essa definição pode auxiliar a empresa, principalmente em momentos de crise) é fundamental para a organização que visa ao profissionalismo e amadurecimento.

Onde assistir: Apple TV+.

Por Bruno Galo

Veja Também