Diário Logo

O Diário Logo

Veja como aproveitar as férias em João Pessoa

João Pessoa, a capital da Paraíba, é um destino que surpreende por sua beleza, hospitalidade e diversidade de atrações. Fundada em 1585, é a terceira cidade mais antiga do Brasil e possui um centro histórico carregado de tesouros para os amantes de arquitetura colonial. Inicialmente denominada Cidade Real de Nossa Senhora das Neves, a localidade […]

9 de julho de 2024

Reportagem de: Edicase Conteúdo

João Pessoa, a capital da Paraíba, é um destino que surpreende por sua beleza, hospitalidade e diversidade de atrações. Fundada em 1585, é a terceira cidade mais antiga do Brasil e possui um centro histórico carregado de tesouros para os amantes de arquitetura colonial.

Inicialmente denominada Cidade Real de Nossa Senhora das Neves, a localidade foi estabelecida pelos colonizadores portugueses como um ponto estratégico para proteger o território brasileiro das incursões estrangeiras. Ao longo dos séculos, João Pessoa passou por diversas fases de desenvolvimento e mudanças de nome, incluindo Filipeia de Nossa Senhora das Neves, em homenagem ao rei Filipe II de Espanha, durante a União Ibérica.

Com o fim do domínio espanhol e a restauração da autonomia portuguesa, a cidade retomou seu crescimento sob o nome de Paraíba do Norte, até finalmente ser renomeada em homenagem ao político paraibano João Pessoa, após seu assassinato em 1930, um evento que precipitou a Revolução de 1930 e a ascensão de Getúlio Vargas ao poder.

Vista da parte da frente da Igreja de São Francisco em João Pessoa com céu-azul com nuvens em cima
A Igreja de São Francisco abriga rico acervo de arte sacra e oferecem uma verdadeira viagem ao passado colonial brasileiro (Imagem: Luis Inacio P Prado | Shutterstock)

Centro urbano do Nordeste brasileiro

Ao longo de sua história, João Pessoa se consolidou como um importante centro urbano do Nordeste brasileiro. Seu centro histórico, com suas ruas de paralelepípedos e edificações coloniais, testemunha séculos de influências europeias e brasileiras. Entre os destaques, está o Hotel Globo, um antigo casarão com vista para o Rio Sanhauá, que hoje funciona como um centro cultural e oferece uma paisagem incrível do pôr do sol na região.

Outro ponto de interesse é a Igreja de São Francisco, parte do Centro Cultural São Francisco, um dos mais importantes conjuntos arquitetônicos barrocos do Brasil. A igreja e seu complexo abrigam um rico acervo de arte sacra e oferecem uma verdadeira viagem ao passado colonial brasileiro.

Atrações de destaque

Um dos pontos altos de qualquer visita a João Pessoa é o passeio para ver o pôr do sol na Praia do Jacaré, localizada em Cabedelo, município que fica a 25 minutos de carro da capital. Contrariando o nome, a Praia do Jacaré é, na verdade, uma margem do rio Paraíba. Todos os dias, ao entardecer, turistas se reúnem para assistir a um espetáculo único: o pôr do sol ao som do Bolero de Ravel, tocado por um saxofonista local que circula em cima de uma canoa. Este momento mágico encanta turistas e garante boas memórias da viagem.

Piscinas naturais de Seixas e Picãozinho

Além do pôr do sol na Praia do Jacaré, outros atrativos que agradam os visitantes são as piscinas naturais. As de Seixas e Picãozinho são atrações imperdíveis para quem visita João Pessoa. Formadas por recifes de corais, essas piscinas emergem durante a maré baixa, revelando águas cristalinas e uma abundante vida marinha. São locais ideais para mergulho e snorkel, onde é possível observar uma variedade de peixes coloridos e corais. É uma experiência fantástica que agrada um público diversificado e uma oportunidade única de manter contato com a natureza.

Ilha de Areia

A Ilha de Areia Vermelha é outra joia natural da região. Este banco de areia surge na maré baixa, criando uma pequena ilha no meio do mar. A ilha é rodeada por águas rasas e transparentes, perfeitas para nadar e relaxar. É um local popular para passeios de barco, sendo que as embarcações saem das praias de Camboinha e Ponta de Campina. Ali não há estrutura como quiosques, mas os barcos costumam vender comes e bebes para o passeio ficar completo.

É indescritível a sensação de estar no meio do oceano, mas, ao mesmo tempo, em terra firme, com uma vista diferenciada do entorno. Caso haja interesse em fazer esse passeio, não esqueça de se informar antes sobre a situação da maré para não perder a viagem.

Cajus reunidos em uma cesta
João Pessoa também é famosa por suas frutas tropicais, como o caju (Imagem: rodrigobark | Shutterstock)

Gastronomia

A gastronomia em João Pessoa é rica e diversificada. Entre os destaques estão o caranguejo, a carne de sol, o rubacão (uma mistura de arroz, feijão-verde e carne de sol) e a pamonha. Além disso, os frutos do mar frescos, como peixes e camarões, são muito populares, frequentemente preparados com temperos regionais.

A cidade também é famosa por suas tapiocas recheadas e pelas frutas tropicais, como o caju e a acerola, que frequentemente aparecem em sucos e sobremesas. Com restaurantes que variam do tradicional ao contemporâneo, João Pessoa oferece uma experiência gastronômica diversificada.

Neste panorama, o restaurante Porto 60 é um dos que se destacam. Situado em um ambiente acolhedor no bairro de Cabo Branco, o restaurante oferece um menu que combina o melhor da culinária regional com toques contemporâneos. Pratos de frutos-do-mar frescos e receitas tradicionais são o carro-chefe do Porto 60, que também é conhecido pelo atendimento impecável e pela atmosfera convidativa. É um local ideal para saborear a autêntica comida paraibana.

Cultura

João Pessoa também é um destino que valoriza a cultura e as artes. Durante todo o ano, a cidade sedia diversos eventos culturais, como festivais de música, feiras de artesanato e exposições de arte. A cidade também conta com museus e centros culturais que preservam e celebram a história e a cultura paraibanas.

Hospedagem

Com uma rede de hospedagem completa e diversificada, uma das boas opções da cidade é o hotel Corais de Manaíra, um estabelecimento novo e moderno que oferece uma excelente infraestrutura. Localizado em uma área estratégica, o hotel se destaca pela sua piscina no rooftop, que oferece uma vista panorâmica deslumbrante da cidade. As acomodações são modernas e aconchegantes e a equipe garante um atendimento de primeira. Outro destaque fica para o café da manhã, que conta com uma variedade de opções deliciosas que garantem um ótimo começo de dia.

Melhor época para visitar

A melhor época para visitar João Pessoa é durante a estação seca, que ocorre de setembro a fevereiro. Nesses meses, a cidade desfruta de um clima mais ensolarado, com menos chuvas e temperaturas agradáveis, variando entre 24°C e 31°C.

Além de atentar-se ao clima, vale a pena também consultar a tábua das marés, pois a maré cheia pode dificultar ou até mesmo impossibilitar boa parte dos passeios, como o acesso a piscinas naturais. É melhor programar sua visita para as semanas de Lua cheia e nova, marcadas pela maré baixa. Informe se com um guia antes de reservar sua viagem.

Por Cláudia Costa – revista Qual Viagem

Veja Também