Diário Logo

O Diário Logo

Veja por que investir em dermocosméticos para ter uma pele saudável

Os cuidados com a pele fazem parte da rotina diária de muitas pessoas, sendo considerados essenciais para manter a saúde e a aparência. No entanto, há quem acredite que o investimento em dermocosméticos não vale a pena, considerando-os uma perda de tempo e dinheiro. Mas até que ponto isso reflete a realidade? Todavia, são diversos […]

22 de maio de 2024

Reportagem de: Edicase Conteúdo

Os cuidados com a pele fazem parte da rotina diária de muitas pessoas, sendo considerados essenciais para manter a saúde e a aparência. No entanto, há quem acredite que o investimento em dermocosméticos não vale a pena, considerando-os uma perda de tempo e dinheiro. Mas até que ponto isso reflete a realidade?

Todavia, são diversos os fatores que podem contribuir para o aparecimento de linhas finas e sulcos na pele. “O sol é o principal causador de radicais livres na pele, o que envelhece o tecido e causa manchas, rugas e flacidez; mas não é o único: o açúcar endurece as fibras de colágeno, o estresse causa inflamação cutânea, dormir mal diminui nossa defesa antioxidante, fumar reduz o fluxo sanguíneo e envelhece a pele…”, lista a dermatologista Dra. Claudia Marçal, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Por isso, segundo a médica, a rotina de skincare pode ser muito importante para prevenir todo esse processo. “Uma pele naturalmente bonita deve ser saudável e ter uma rotina de cuidados adequados a cada tipo, idade e época do ano. Independentemente da boa genética, bons hábitos de vida são pilares que promovem a beleza, saúde e longevidade”, afirma

Conforme a Dra. Claudia Marçal, além da alimentação equilibrada, do sono de boa qualidade, de exercícios regulares e baixa ingestão de bebida alcoólica, ter uma rotina de cuidados diários é muito importante para manter a pele bem cuidada e atemporal.

Desconfiança com dermocosméticos

A desconfiança com os dermocosméticos surgiu em virtude de um marketing com apelos exagerados por parte das indústrias. “Os produtos cosméticos devem proteger a pele e reforçar sua beleza e saúde. Muitas evoluções cosméticas e tecnológicas foram observadas, de forma que um passo importante foi dado através da associação de produtos cosméticos com ingredientes ativos para reduzir os danos e o envelhecimento da pele”, explica a dermatologista Dra. Mônica Aribi, sócia efetiva da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

O uso da nanotecnologia para desenvolver cosmecêuticos eficazes, por exemplo, é um importante passo à frente, porque essas pequenas partículas são prontamente absorvidas pela pele e reparam os danos com facilidade e eficiência. “Eles podem ser usados para filtros solares para proteger a pele, cremes antienvelhecimento para combater os sinais da idade e hidratantes para manter a hidratação da pele”, explica a médica.

Etapas da rotina de skincare

 De acordo com a Dra. Claudia Marçal, as etapas da rotina skincare devem ser seguidas conforme a orientação médica para cada necessidade da pele. Porém, é importante entender a sequência para uma rotina de cuidados, uma vez que o melhor hidratante do mundo não teria efeito em uma pele que não está higienizada e apta a recebê-lo.

“Nós temos que pensar que, além do sebo do estrato córneo, queratina morta, proteína morta e poluentes que nós conseguimos enxergar como pó e poeira, temos também os micropoluentes, como o material particulado PM2.5, responsável pela liberação de comunicadores pró-inflamatórios na pele, que vão degradar colágeno e elastina”, afirma a Dra. Claudia Marçal.

Mulher em um espelho passando algodão no rosto
Alguns produtos ajudam a combater os sinais do envelhecimento na pele (Imagem: Prostock-studio | Shutterstock)

Cuidados contra o envelhecimento

Os cuidados contra o envelhecimento vêm logo na sequência da limpeza, com dermocosméticos de hidratação, ação antioxidante e o fotoprotetor. Há ainda espaço para os renovadores celulares, quando indicados pelos médicos: “O retinol é padrão-ouro no rejuvenescimento domiciliar e aumenta a produção de colágeno, a expressão de glicosaminoglicanos e inibe a indução UV das enzimas de degradação do colágeno na pele fotoenvelhecida. Sem ação clareadora direta, pode ser usado em tratamentos de hiperpigmentação como forma complementar de melhorar a renovação celular e eliminar as células pigmentadas da superfície”, explica a Dra. Mônica Aribi.

Já os alfa-hidroxiácidos, segundo a médica, aceleram a renovação celular e estimulam a síntese de colágeno pelos fibroblastos. “Além de tratar o envelhecimento, podem ser usados para diminuir a oleosidade e ajudar contra a acne”, explica a médica.

Tratamentos diurnos

Um clássico para hidratação é o ácido hialurônico. Outras substâncias que podem estar presentes no creme de tratamento diurno são: a vitamina C, o ácido ferúlico, o OTZ 10, a niacinamida, o superox-C, o resveratrol e o alistin. Segundo a farmacêutica e gerente técnica da Biotec Dermocosméticos, Maria Eugênia Ayres, esses ativos são encarados como verdadeiros defensores da nossa pele e atuam para neutralizar os radicais livres, que causam danos às células da pele que culminam no aparecimento de rugas. Se a opção for a vitamina C, escolha fórmulas que contemplem a estabilidade do ativo, como o ascorbosilane C.

“Ele é uma vitamina C extremamente estável que é associada ao silício orgânico, o que possibilita que o ativo permeie as camadas mais profundas da pele e tenha uma ação mais efetiva e com menor chance de oxidação deste ativo na superfície cutânea. Sua ação na pele tem efeito rejuvenescedor e antioxidante”, afirma a farmacêutica Maria Eugênia Ayres.

Antioxidantes

Outro ponto relevante a favor do uso diário de antioxidantes se dá pelo fato de que, com o passar dos anos, algumas células da pele perdem a capacidade de se dividir, mas agem como verdadeiros zumbis: elas secretam ativamente substâncias químicas que promovem inflamação e danificam as células vizinhas. Essas células, segundo Maria Eugênia Ayres, são chamadas de senescentes e precisam ser prevenidas e combatidas com antioxidantes.

Homem passando produto no rosto
A fotoproteção eficaz inclui proteção contra UVA, UVB, luz visível e Infrared (Imagem: aslysun | Shutterstock)

Fotoproteção

Com relação aos cuidados com fotoproteção, a médica ressalta que o filtro deve ter proteção eficiente contra as radiações UVA e UVB, mas também deve proteger da luz visível e da Infrared. “Hoje é uma unanimidade mundial a necessidade do amplo espectro do fotoprotetor. Lembrando que filtros solares hoje para peles claras devem ser de FPS 50, no mínimo FPS 30. Estes devem ser reaplicados à tarde e, se em exposição solar contínua, reaplicados a cada duas horas. Se estiver em contato com a água, após 30 minutos perde-se a potência e deve ser reaplicado novamente”, explica a Dra. Claudia Marçal.

Skincare em cápsula

Os nutracêuticos, também chamados de skincare em cápsula, podem ajudar a oferecer ação antioxidante e para estímulo de colágeno. “Os nutracêuticos são fórmulas extremamente benéficas e que potencializam e muito a ação do tratamento tópico no combate aos radicais livres, ajudam a hidratar e recuperar a membrana de água e gordura sobre a pele, estimulam a elasticidade das fibras de colágeno e elastina, melhoram a perfusão para a microcirculação periférica, auxiliam na fotoimunoproteção do tecido cutâneo e são importantes no controle de patologias como melasma, dermatite atópica, dermatite seborreica, rosácea, na melhora da condição estrutural de textura, coloração, tônus e viscoelasticidade”, diz a Dra. Claudia Marçal.

Estes produtos devem ser prescritos pelo médico especialista para cada caso clínico em questão e, segundo a dermatologista, podem conter ativos como: colágeno peptídeo, exsynutriment, glycoxil, resveratrol, picnogenol, polipodium leucotomus, vitamina C e E, FC oral, extrato de gengibre, extrato de green tea, berrys, entre outros.

Skincare de consultório

Por fim, uma novidade é o uso de tratamentos que promovem um verdadeiro skincare de consultório. É o caso do Hydrafacial, apontado como uma inteligência artificial dos cuidados com a pele. “O equipamento de hidrodermoabrasão conta com a exclusiva e patenteada tecnologia Vortex-Fusion, que gera um efeito de vórtice para expelir e remover facilmente as impurezas da pele enquanto confere hidratação”, diz a Dra. Mônica Aribi.

Por Guilherme Zanette

Veja Também