Diário Logo

O Diário Logo

Brô Mc’s e Jorge Vercillo são atrações do FIB 2023 neste sábado

Na noite de sábado (22), o Festival Indígena de Bertioga (FIB) recebe o grupo de rap indígena Brô Mc’s, a partir das 20 horas, na arena no Parque dos Tupiniquins. A entrada é gratuita. O grupo de rap, Brô Mc’s, formado em 2009 por integrantes indígenas Guarani e Kaiowá é composto por Kelvin Mbaretê, Bruno […]

21 de abril de 2023

Reportagem de: O Diário

Na noite de sábado (22), o Festival Indígena de Bertioga (FIB) recebe o grupo de rap indígena Brô Mc’s, a partir das 20 horas, na arena no Parque dos Tupiniquins. A entrada é gratuita.

O grupo de rap, Brô Mc’s, formado em 2009 por integrantes indígenas Guarani e Kaiowá é composto por Kelvin Mbaretê, Bruno Veron, Clemersom Batista e Charlie Peixoto. Eles se tornaram o primeiro grupo de rap indígena do Brasil e se apresentaram na última edição do Rock in Rio.

Na Tenda de Eventos, ao lado do parque dos Tupiniquins, a partir das 22 horas, o show ficará por conta do cantor Jorge Vercillo, forte defensor da preservação da cultura indígena e do meio ambiente.

A programação segue até domingo (23) com oficinas de artesanato, pinturas corporais, danças, demonstrações de esportes e práticas corporais indígenas, apresentações da juventude indígena, cantos, rituais, dentre outras atividades para celebrar as tradições dos povos originários.

Com o tema “Água é Vida”, o festival traz a “Cerimônia das Águas”, que busca levantar o debate sobre as crises ambientais, ressaltando os conhecimentos e sabedorias indígenas na Década Internacional das Águas dos Oceanos e Rios.

Mais de 300 indígenas de diversas etnias do Brasil devem participar do festival, sendo eles: Guarani da Aldeia Rio Silveira (Bertioga-SP), Bakairi (Paranatinga – MT), Bororo (Rondonopólis – MT), Xavante (Campinápolis – MT), Kaingang (Candido de Abreu – PR), Kuikuro (Canarana – MT), Kalapalo (Canarana – MT), Fulni-Ô (Águas Belas – PE), Pataxó (Porto Seguro – BA) e Terena (Aquidauana – MS).

O Festival Indígena de Bertioga é realizado pela Prefeitura e produzido pelo Comitê Intertribal Memória e Ciência Indígena. O evento faz parte do calendário “Bertioga é + diversão e aventura 365”, que tem como objetivo aquecer o turismo, movimentar a economia e gerar emprego e renda para a população.

Veja Também