Diário Logo

O Diário Logo

O surpreendente Top 5 do BBB 23

Quem diria que o BBB 23 teria o TOP5 que teve? Essa temporada  termina marcada pela força oculta de uma torcida que veio se fortalecendo com o passar das semanas e revelou sua força ao dar a vitória para as desérticas (grupo formado por Aline, Amanda, Bruna e Larissa). As quatro foram as últimas mulheres […]

22 de abril de 2023

Reportagem de: O Diário

Quem diria que o BBB 23 teria o TOP5 que teve? Essa temporada  termina marcada pela força oculta de uma torcida que veio se fortalecendo com o passar das semanas e revelou sua força ao dar a vitória para as desérticas (grupo formado por Aline, Amanda, Bruna e Larissa). As quatro foram as últimas mulheres da casa e tiveram ainda a companhia de Ricardo Alface, que outrora fez parte do grupo também. 

No final das temporadas que acompanho gosto de fazer um exercício de memória e resgatar nas lembranças onde e como os finalistas estavam posicionados na primeira semana do confinamento. Proponho que você embarque nessa comigo. 

Ricardo (Pipoca) entrou conectado com Fred Bruno (Camarote), foram muito bem na primeira prova e pareciam iniciar uma ‘parceria de milhões’. Para nossa surpresa o ápice de Ricardo no jogo foi justamente quando se rebelou, deixou de jogar com Fred e saiu do Quarto Deserto. 

Larissa (Pipoca) entrou conectada com Bruna Griphao (Camarote), venceram a primeira prova do líder, perceberam-se diferentes em personalidade mas firmaram uma aliança que perdurou até a semana final. A professora de educação física viveu seu auge ao ser escolhida pelo público na ‘Casa do Reencontro’, quando pode voltar ao programa mesmo depois de ser eliminada. 

Bruna Griphao (Camarote) venceu quatro vezes a prova do líder, incluindo a primeira e a última. Na primeira semana do jogo envolveu-se com Gabriel Fop, com quem vivenciou um relacionamento tóxico, motivo da primeira bronca (e uma das mais fortes) dada por Tadeu Schmidt nesta edição. 

Aline Wirley (Camarote) entrou conectada com Bruno Gaga (Pipoca). Viveu momentos difíceis com sua dupla mas contornou as diferenças com muita empatia. Não protagonizou nenhuma grande história ao longo da temporada mas firmou boas relações baseadas no afeto, inclusive com alguns ‘rivais’. 

Amanda (Pipoca) entrou conectada com Antonio ‘Cara de Sapato’ (Camarote) e não demorou para que grande parte do público torcesse por um romance. Nos primeiros dias o conforto oferecido pela médica para as crises de ansiedade vividas pelo lutador chamaram atenção do público que logo os shippou criando o fandom ‘Doc Shoes’. 

Sempre acho que a primeira semana do jogo tem muito a dizer sobre a temporada. Mais ainda quando o programa acaba. Na terça feira, dia 25, descobriremos ao vivo quem levará pra casa o maior prêmio da história do Big Brother Brasil.  

 

*Roco Nicodemo é formado em Rádio e TV e coleciona experiências profissionais na produção de reality shows e apresenta o canal ‘Descontrole Remoto’ no YouTube e Facebook, onde faz lives diárias sobre BBB, sempre às 12 horas.

Veja Também