Diário Logo

O Diário Logo

Suzanense Jaqueline Almeida estreia no UFC 2023 como treinadora

Um dos eventos esportivos mais esperados no mundo, o Ultimate Fighting Championship (UFC) 2023 vai contar com a participação de uma brasileira na equipe técnica da peso-galo da República Tcheca. Natural de Suzano-SP, cidade do Alto Tietê, Jaqueline Almeida, de 31 anos, faz parte do grupo comandado por John Kavanagh, referência internacional em MMA. Eles […]

14 de abril de 2023

Reportagem de: O Diário

Um dos eventos esportivos mais esperados no mundo, o Ultimate Fighting Championship (UFC) 2023 vai contar com a participação de uma brasileira na equipe técnica da peso-galo da República Tcheca. Natural de Suzano-SP, cidade do Alto Tietê, Jaqueline Almeida, de 31 anos, faz parte do grupo comandado por John Kavanagh, referência internacional em MMA. Eles estão responsáveis pelo rendimento de Lucie Pudilova, de 28 anos. Neste sábado (15/4), quando o torneio tem início em Kansas City, nos Estados Unidos, a lutadora tcheca de artes marciais mistas desafia Joselyne Edwards, da Jamaica.

Jaqueline deixou o Brasil em 2016 para aprender Inglês na Irlanda. Na Europa, nos horários em que não trabalhava como garçonete, retomou, ainda como hobbie, o jiu-jitsu. Hoje, é faixa marrom, além de multimedalhista internacional, comentarista esportiva, palestrante do TedX Talks e idealizadora de um projeto social que ensina autodefesa para mulheres em Dublin. Em paralelo, a suzanense reforça equipes técnicas profissionais de artes marciais para competições de alto rendimento. Neste momento, auxilia no preparo físico de Lucie Pudilova, para o UFC 2023: 

“Ser convidada pela Lucie (Pudilova) para fazer parte de sua equipe técnica é uma honra para mim, ainda mais por poder trabalhar ao lado do John (Kavanagh), referência internacional em MMA. É estar com os melhores. Minha principal atividade no grupo é estar atenta ao condicionamento físico da lutadora, para que ela chegue com o peso certo e preparada para encarar as adversárias de sua categoria”, complementa.

 

Lucie Pudilova é da República Tcheca. Tem 14 vitórias no currículo. Esta é a sétima vez que ela luta no UFC, sendo vencedora na categoria peso-galo em uma oportunidade. Desta vez, a lutadora conta com a participação de Jaqueline em sua equipe técnica. Os treinos com a brasileira começaram há aproximadamente dois anos.

Segundo Jaqueline, seu método de trabalho não visa apenas o corpo. Compreende autoestima, mente saudável, e se vale, também, do vínculo, da amizade que tem com Lucie: 

“A preparação para participar de um MMA é mais longa, se compararmos com outras modalidades esportivas. Na última semana, o atleta tem de ficar mais concentrado e descansar bem, uma vez que o corte de peso é grande. Para se ter ideia, Lucie estava com 68 quilos. Ela tem de estar um dia antes da luta com 61,6, para se pesar e ser autorizada a competir. Para tanto, apostamos em técnicas e em movimentações que a fazem treinar e, ao mesmo tempo, a suar bastante”.

Veja Também