Diário Logo

O Diário Logo

70 anos ou mais e imunossuprimidos receberão vacina bivalente em Mogi

Cidades brasileiras começam a imunizar a população com a vacina Pfizer Bivalnte, que protege contra a Covid e possui composição atualizada para prevenir as cepas conhecidas, inclusive a Ômicron. Em Mogi das Cruzes, serão atendidas, nessa primeira fase, pessoas com mais de 70 anos, que já tenham recebido ao menos duas doses da vacina, além […]

27 de fevereiro de 2023

Reportagem de: O Diário

Cidades brasileiras começam a imunizar a população com a vacina Pfizer Bivalnte, que protege contra a Covid e possui composição atualizada para prevenir as cepas conhecidas, inclusive a Ômicron. Em Mogi das Cruzes, serão atendidas, nessa primeira fase, pessoas com mais de 70 anos, que já tenham recebido ao menos duas doses da vacina, além de imunissuprimidos (com doenças como HIV e renal crônica) e indígenas.

A cidade recebeu 16,6 mil doses (veja qui). Os critérios usados estão no site da Prefeitura de Mogi. Confira abaixo:

REFORÇO COM A VACINA PFIZER BIVALENTE (esta vacina contém a cepa do vírus da Covid já utilizado nas vacinas existentes + a cepa Ômicron).

CRITÉRIO: Ter recebido pelo menos 2 doses da vacina contra Covid anteriormente e ter intervalo mínimo de 4 meses após a última dose.

LIBERAÇÃO GRADUAL – a partir de hoje, serão agendados o atendimento a: 

* Idosos com 70 anos ou mais; 

* Imunodeprimidos graves (com comprovação médica; Ex: Pessoas com HIV, em tratamento de Câncer, transplandados, Renal crônico em hemodiálise)

* Indígenas (com comprovação)

No site CliqueVacina prossegue o agendamento para públicos específicos como crianças (saiba mais aqui).

Em cidades do Alto Tietê, como em Guararema, a vacinação começou na semana passada (veja aqui)

Veja Também