Diário Logo

O Diário Logo

Escolas do Alto Tietê recebem projeto Realidade Virtual da EDP

A EDP, empresa que atua em todos os segmentos do setor elétrico brasileiro, iniciou esta semana mais uma edição do Projeto Realidade Virtual, que passará por 51 escolas públicas em 12 estados (AP, CE, ES, GO, MT, PA, PB, RN, RS, SC, SP e TO), incluindo comunidades indígenas, nas áreas de atuação da empresa no […]

9 de agosto de 2023

Reportagem de: O Diário

A EDP, empresa que atua em todos os segmentos do setor elétrico brasileiro, iniciou esta semana mais uma edição do Projeto Realidade Virtual, que passará por 51 escolas públicas em 12 estados (AP, CE, ES, GO, MT, PA, PB, RN, RS, SC, SP e TO), incluindo comunidades indígenas, nas áreas de atuação da empresa no Brasil. No total, mais de 13.000 estudantes devem participar da iniciativa até novembro. O projeto é realizado em parceria com a ZAZ Produções.

As primeiras escolas a receberem o Realidade Virtual são a EMEB Guilherme Donizete da S. dos Santos e EMEB José Marinho Ferreira, em Itaquaquecetuba (SP), entre os dias 7 e 11 de agosto, e a EMEB Nurimar Martins Hiar, em Ferraz de Vasconcelos (SP), nos dias 14 e 15 de agosto. Apenas nestas três instituições, cerca de 2.400 estudantes devem participar das ações.

O projeto, que utiliza ferramentas de realidade virtual e realidade aumentada para contribuir com o aprendizado de alunos do 1º ao 9º ano do ensino fundamental de escolas públicas, faz parte do Programa EDP nas Escolas, que tem como objetivo colaborar com a qualidade de vida estudantil por meio de ações formativas, extracurriculares, de inclusão digital, de cidadania e de melhoria do ambiente escolar. O tema do programa este ano é Energias Renováveis.

Os alunos do 4º ao 9º ano terão a oportunidade de explorar conteúdos relacionados ao tema utilizando óculos de realidade virtual. Para os alunos do 1º ao 3º ano, estão programadas atividades de realidade aumentada. Os participantes da atividade de realidade virtual respondem a um questionário sobre o tema proposto e sobre a experiência. A ideia é avaliar o aprendizado sobre os conteúdos apresentados, não somente com a utilização da realidade virtual, mas também durante as demais atividades realizadas ao longo do primeiro semestre de 2023.

“Acreditamos na educação como um dos pilares com maior potencial de transformar a sociedade. São mais de 20 anos contribuindo com a formação de crianças e adolescentes, e com a melhoria dos indicadores de educação. Mais importante que os números de professores e alunos impactados, é o reconhecimento que temos dos diretores escolares, que avaliam que o programa tem contribuído fortemente com o desempenho educacional”, destaca Dominic Schmal, diretor de ESG da EDP no Brasil.

EDP nas Escolas

O Programa EDP nas Escolas está alinhado à agenda 2030 da ONU, que estabelece 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) a serem atingidos nos próximos sete anos. Com esta iniciativa, a EDP colabora para as metas dos ODS 1 (erradicação da pobreza), 4 (educação de qualidade), 10 (redução das desigualdades) e 11 (cidades e comunidades sustentáveis).

Além do projeto Realidade Virtual, também faz parte do EDP nas Escolas o projeto Inclusão Digital. Fruto de uma parceria entre a EDP e o Instituto Mpumalanga, a iniciativa visa promover a inclusão digital em escolas públicas de todo o país por meio da capacitação de professores, da doação de tablets e da disponibilização de material e conteúdo digital a ser trabalhado em sala de aula.

Veja Também