Diário Logo

O Diário Logo

Reeleito, Damasio vai apoiar Tarcísio e Bolsonaro no 2º turno

O deputado estadual Marcos Damasio (PL) foi reeleito para o terceiro mandato na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, com 183.165 votos – com 99,92% das seções totalizadas – nas eleições deste domingo (2). Ele participou ao vivo, por skype, do programa apresentado por Josué Suzuki, Head Digital e de Conteúdo de O Diário, […]

2 de outubro de 2022

Reportagem de: O Diário

O deputado estadual Marcos Damasio (PL) foi reeleito para o terceiro mandato na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, com 183.165 votos – com 99,92% das seções totalizadas – nas eleições deste domingo (2). Ele participou ao vivo, por skype, do programa apresentado por Josué Suzuki, Head Digital e de Conteúdo de O Diário, com análise e comentários do jornalista Darwin, e atribuiu a expressiva votação – 101 mil votos a mais do que na eleição anterior, quando recebeu 81.695 sufrágios – à parceria com 123 cidades que destinou recursos em seu mandato.

“Ampliei os contatos no estado, tive muitos vereadores de 123 cidades me ajudando, assim como a Igreja Batista da Capital. Esta vitória pela terceira vez consecutiva é muito importante e estes três dígitos na votação nos fortalecem junto ao governo do Estado e contribuem para representar e defender os interesses de Mogi e demais cidades que acreditam no nosso trabalho”, avalia Damasio.

Para o segundo turno, Damasio confirma o apoio à reeleição do presidente Jair Bolsonaro (PL) e disse que vai trabalhar em prol do candidato Tarcísio de Freitas (Republicanos). “O presidente Jair Bolsonaro está no nosso partido e deu um novo significado e grande visibilidade à legenda, que é o maior partido do Brasil, terá uma grande bancada de deputados estaduais e federais e ganhou muito com a vinda do presidente. O segundo turno será uma eleição parelha, equilibrada e que precisará de muito empenho de todos nós da família liberal. Eu estarei à disposição para o que virá”, disse.

Damasio lembrou que, no primeiro turno, tinha compromisso com o atual governador, Rodrigo Garcia (PSDB), que buscava a reeleição, mas como o candidato não foi para o segundo turno, ele trabalhará por Tarcísio. “Seria ingrato se não reconhecesse o que o Rodrigo fez por mim. Eu o ajudei, mas com a ida do Tarcísio para o segundo turno, vamos nos empenhar, nos organizar e a partir de amanhã (3) um novo planejamento será feito e entraremos firmes e fortes na campanha dele”, revela.

Na avaliação de Damásio, o número de fácil assimilação (22222) e parecido ao do candidato ao deputado federal Eduardo Bolsonaro (2222), que também foi reeleito, pode ter ajudado a conquistar a expressiva votação, mas o resultado também se deve ao trabalho dos últimos anos. “O número não ganha eleição, mas ajuda. Porém, de nada adiantaria se eu não tivesse me empenhado. Rodei 128 mil quilômetros no Estado de São Paulo. Quando você trabalha, se dedica e faz um trabalho sério, de resultados, isso é coroado. Deus acaba abençoando e devo muito ao partido. Agora, vamos juntos, somar forças para construir uma Mogi da Cruzes cada vez melhor”, completa.

 

Veja Também