Diário Logo

O Diário Logo

Suspeito de matar motoqueiro em tiroteio em Suzano é preso

Um dos suspeitos de envolvimento no latrocínio registrado no final da tarde desta segunda-feira (24), em Suzano, foi preso, segundo informações na Secretaria de Segurança de São Paulo (SSP). Por meio das redes sociais, o prefeito Rodrigo Ashiuchi e o secretário municipal de Segurança, Afrânio Evaristo, afirmaram que o homem de 19 anos teria confessado […]

25 de julho de 2023

Reportagem de: O Diário

Um dos suspeitos de envolvimento no latrocínio registrado no final da tarde desta segunda-feira (24), em Suzano, foi preso, segundo informações na Secretaria de Segurança de São Paulo (SSP). Por meio das redes sociais, o prefeito Rodrigo Ashiuchi e o secretário municipal de Segurança, Afrânio Evaristo, afirmaram que o homem de 19 anos teria confessado a participação no crime e dito também que ele seria o autor do disparo. As investigações prosseguem pela Delegacia de Suzano que atua em diligências visando a identificar e prender o segundo criminoso.

Na ação dos criminosos, eles renderam um motociclista, de 39 anos, que estava parado no semáforo, na Rua General Francisco Glicério. Dois seguranças particulares viram o que estava acontecendo e reagiram. Houve, então, troca de tiros, o motociclista foi morto com um tiro na cabeça e os dois criminosos conseguiram fugir com a moto roubada. Posteriormente, após diligências, um dos autores foi detido pela Polícia Militar em Itaquaquecetuba, com a moto da vítima. Com ele foi apreendida uma pistola 380.

A Prefeitura de Suzano divulgou que duas pessoas foram encaminhadas em situação estável ao Pronto Socorro (PS) Municipal. Elas seriam um homem de 58 anos, que teve um ferimento de arma de fogo no pé, e uma mulher de 36 anos, que foi atingida por estilhaços. A outra vítima, que seria um dos seguranças, foi encaminhada a um hospital privado da cidade. Nenhum deles corre risco de morrer.

“A Secretaria Municipal de Segurança Cidadã reforça seu compromisso, se colocando à disposição para esclarecimentos junto às autoridades competentes, bem como dispondo da Central de Segurança Integrada (CSI) com o auxílio de cerca de 85 câmeras de segurança nas vias públicas, aliadas às 42 do programa Detecta do Estado de São Paulo”, disse nota enviada pela Prefeitura.

Veja Também