Diário Logo

O Diário Logo

Aparecimento de 6 escorpiões preocupa moradores em Mogi

Administração municipal informou que o Centro de Controle de Zoonoses mantém ações e medidas de combate e prevenção

12 de abril de 2024

Todos os escorpiões são venenosos e os riscos aumentam de acordo com a quantidade de veneno injetado e no quão nocivo o veneno de cada espécie | Reprodução - Redes Socais

Reportagem de: Fabio Pereira

O aparecimento repentino de escorpiões em Mogi das Cruzes tem preocupado e, principalmente, deixado a população em estado de alerta. Na última quinta-feira (11/04), por exemplo, um munícipe encontrou seis animais peçonhentos deste tipo na rua Boa Vista, situada na região central da cidade. Na oportunidade, a pessoa – que não quis se identificar -, relatou ter ligado para o Centro de Controle de Zoonoses, setor da Secretaria Municipal da Saúde, que enviou equipes ao local para efetuar a dedetização. 

A equipe de O Diário entrou em contato com a administração municipal que, em nota, destacou que mantém ações de combate aos escorpiões, bem como atividades para prevenção, em todo o município. 

“Os trabalhos são realizados durante todo o ano, porém com maior intensidade nas épocas de primavera e verão em razão das características biológicas dos animais. Nas vistorias, os munícipes são orientados sobre cuidados necessários, sobretudo porões ou espaços fechados usados como depósitos de materiais e também sobre acúmulo de madeira ou entulho”, destaca a nota. 

Ao longo das orientações, é efetuado um protocolo que contém passos como limpeza de quintais, jardins, sótãos, garagens e depósitos. Também é recomendado evitar o acúmulo de folhas, lixo e demais materiais como entulho, telhas, tijolos, madeiras e lenhas. Além disso, também é necessário acondicionar o lixo em recipientes fechados para evitar baratas e outros insetos que servem de alimento aos escorpiões, entre outras medidas preventivas. 

Sinais e sintomas

O Ministério da Saúde adverte que quando há picada por escorpião, a dor é imediata em praticamente todos os casos, além da sensação de formigamento, vermelhidão e suor no local. Após alguns minutos ou horas, principalmente em crianças, que são mais vulneráveis ao envenenamento, podem aparecer outros sintomas, como tremores, náuseas, vômitos, agitação incomum, produção excessiva de saliva, hipertensão, entre outros.

Todos os escorpiões são venenosos e os riscos aumentam de acordo com a quantidade de veneno injetado e no quão nocivo o veneno de cada espécie é para o corpo humano. Os casos leves, que não necessitam da aplicação do antiveneno, representam cerca de 87% do total de acidentes. O soro antiescorpiônico é disponibilizado apenas nos hospitais de referência do Sistema Único de Saúde (SUS).

Veja Também