Diário Logo

O Diário Logo

Projeto Social de Mogi doa roupas para crianças em Moçambique

Ação já produziu mais de 500 peças que foram doadas para menores em situação de vulnerabilidade

14 de março de 2024

A equipe do projeto se reúne todas as terças-feiras, às 15 horas, na Sala do Bem | Divulgação/CCMC

Reportagem de: O Diário

O projeto “Costura do Bem” do Clube de Campo de Mogi das Cruzes (CCMC) confeccionou diversos vestidos que tiveram como destino uma aldeia de Moçambique na África, onde foram doados recentemente para crianças em estado de vulnerabilidade social.

Foi longa a jornada dos vestidos para chegar a mais de 9,2 mil quilômetros de distância do Brasil. Neusa Sponda Junders, uma das voluntárias, doou sacolas de roupa costuradas pelo projeto para uma amiga, que no natal viajou para Londrina, no Paraná, e levou as roupas para doação. Lá, uma freira da Congregação das Missionárias de Santo Antônio Maria Claret, que estava se preparando para uma missão em Moçambique, fez questão de incluir os vestidos na bagagem, visando contribuir com a causa. Demorou mais de dois meses para as peças chegarem ao destino final.

O Projeto

A equipe de voluntárias é composta por oito mulheres que fazem por semana de 30 a 40 peças. No fim do ano passado, chegaram a produzir 180 kits, que incluíam vestidos e bermudas confeccionados por elas, além de chinelos e camisetas comprados com o próprio dinheiro.

Em 2022, o projeto atingiu o marco significativo de 500 peças, que foram destinadas a entidades sociais, creches e associações filantrópicas de Mogi das Cruzes. A equipe se reúne todas as terças-feiras, às 15 horas, na Sala do Bem, no CCMC.

Mais informações sobre o projeto “Costura do Bem” podem ser obtidas pelo telefone (11) 4728-5600.

Veja Também