Diário Logo

O Diário Logo

Sete são investigados por desaparecimento de revólver calibre 38 da GCM de Suzano

Sete pessoas são investigadas pelo extravio de um revólver da marca Taurus, calibre 38, pertencentes à Guarda Civil Municipal (GCM) de Suzano, que ocorreu na segunda quinzena de abril último. Uma sindicância foi instaurada no início deste mês, em 4 de outubro de 2021, e segue em andamento. O prazo para conclusão é de 60 […]

16 de outubro de 2021

Reportagem de: O Diário

Sete pessoas são investigadas pelo extravio de um revólver da marca Taurus, calibre 38, pertencentes à Guarda Civil Municipal (GCM) de Suzano, que ocorreu na segunda quinzena de abril último. Uma sindicância foi instaurada no início deste mês, em 4 de outubro de 2021, e segue em andamento. O prazo para conclusão é de 60 dias, prorrogável por mais 60. As informações foram confirmadas pela Prefeitura a O Diário.

As informações sobre a apuração, porém, são sigilosas. Se comprovada a prática do delito no âmbito administrativo, a pena máxima é a exoneração.

O caso pegou a Guarda de surpresa. Um boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia Central da Polícia Civil da cidade no dia 27 do mesmo mês e, na sequência, a corporação iniciou um procedimento interno para checagem prévia do fato, em que todos os 179 agentes foram inquiridos a respeito.

O procedimento agora chegou ao fim, dando espaço à sindicância. Em nota sobre o episódio, a Secretaria de Segurança Cidadã de Suzano diz que instalou novas câmeras de monitoramento na sede da GCM, “em especial na armaria”.

Veja Também