Diário Logo

O Diário Logo

Hapvida NDI seleciona novas startups para programa de inovação aberta

Terceira edição do Explora lança três desafios e pretende chegar a todos os cantos do país; inscrições vão até dia 12 de julho

4 de julho de 2024

Objetivo do programa é encontrar soluções para problemas do ecossistema de saúde | Divulgação: Hapvida

Reportagem de: O Diário

O Explora 2024, programa de inovação aberta da Hapvida NotreDame Intermédica, pretende atrair startups de todo o Brasil com o objetivo de encontrar soluções para problemas do ecossistema de saúde. Nesta terceira edição, serão três desafios: automação de contratos, simulação de práticas assistenciais e otimização de performance da farmácia hospitalar.

As inscrições para o programa vão até o dia 12 de julho e podem ser feitas pelo link do programa. “É importante que se candidatem startups com um certo nível de maturidade tecnológica e de negócio, com produtos minimamente validados, já que existe possibilidade de contratação a partir de resultados positivos e compatibilidade mútua”, destaca Ana Carolina Cândido, head de Inovação Aberta da Hapvida NDI.

Para o vice-presidente de Tecnologia e Inovação da Hapvida NDI, Kleber Linhares, esta é uma oportunidade para que bons projetos tecnológicos no mercado sejam colocados em prática.

“Escolhemos desafios que são estratégicos para nossa companhia, para que possamos entregar a mais alta qualidade assistencial aos nossos pacientes. Estamos de portas abertas para criar conexões que nos permitam solucionar desafios complexos por meio da tecnologia e da inovação”, afirma o executivo.

Explora

A primeira edição do programa foi realizada em 2020 e reuniu 90 inscritos. Em 2023, foram 114 inscrições. Nas duas, foram postos cinco desafios. Desta vez, a curadoria dos três temas foi feita a partir de meses de levantamento com as vice-presidências da companhia. As escolhas vieram dos setores de Operações, Logística e Jurídico.

Ana Carolina Cândido espera atingir um montante ainda maior de inscrições neste ano. “Tal como a empresa, queremos chegar a mais lugares, incentivando e integrando o ecossistema de inovação do Brasil. A expectativa é crescer em número de inscritos, mas também buscamos qualidade”.

Uma das vencedoras da primeira edição do Explora foi a Beehome, que propôs a criação de uma rede social corporativa. Ela está em funcionamento para todos os colaboradores da Hapvida NDI e foi apelidada de “Nossa Gente”.

“A Hapvida NDI é uma das maiores empresas do Brasil em todos os segmentos. É uma referência nacional. Ter sido a escolhida na concorrência, entregar o projeto e vê-lo implantado com sucesso trouxe, além de visibilidade, ainda mais credibilidade para a plataforma. Hoje, ainda seguimos colhendo frutos da parceria: empresas do mesmo porte se sentem seguras em contratar o Beehome”, afirma o CEO da empresa, Erik Ramalho.

A fase de pilotos dura cerca de três meses. As startups escolhidas recebem até R$ 30 mil para arcar com os custos. “A jornada é rápida e exige bastante da startup, por isso ela precisa de robustez tecnológica e que a solução esteja pronta, para que a gente consiga conectar com a realidade da nossa empresa, que tem cerca de 68 mil colaboradores”, explica a head de Inovação Aberta.

Para outras informações sobre o programa Explora, acesse o site.

Veja Também