Diário Logo

O Diário Logo

5 questões sobre o impacto do álcool no emagrecimento

Consumo excessivo de álcool pode prejudicar significativamente a saúde e o emagrecimento

3 de junho de 2024

Reportagem de: Edicase Conteúdo

O consumo de bebidas alcoólicas faz parte da cultura de muitas pessoas, sendo frequentemente associado a celebrações, eventos sociais e momentos de descontração. No entanto, o consumo excessivo pode prejudicar significativamente a saúde. Além disso, o álcool é rico em calorias vazias e pode atrapalhar os esforços de emagrecimento, pois reduz a capacidade do corpo de queimar gordura, altera o metabolismo e frequentemente leva a ingestão de alimentos pouco saudáveis.

Por isso, a seguir, o médico do esporte Luiz Tintori, fundador da clínica Mizu, centro de cuidado humano que atua com emagrecimento, performance esportiva e reposição hormonal, responde algumas questões mais comuns sobre o impacto das bebidas alcoólicas nos resultados da dieta e do treino. Confira!

1. Posso beber álcool durante a dieta?

Pensando somente em termos calóricos, pode, pois a bebida entrará na conta de calorias da dieta. No entanto, esse consumo traz alterações metabólicas no corpo, mudanças hormonais de cortisol e testosterona, além da redução da absorção de muitas vitaminas, principalmente do complexo B, o que prejudica a saúde e o resultado da dieta a longo prazo.

2. Por que bebidas alcoólicas prejudicam o emagrecimento?

Além de ter soma na conta calórica, quem bebe geralmente costuma petiscar itens calóricos, como queijo, amendoim e churrasco, ou seja, vai prejudicar não só pela alteração metabólica, mas também na questão hormonal.

LEIA TAMBÉM EM VIVER BEM:

3. Qual é o impacto das bebidas alcoólicas no ganho de massa muscular?

Sabe-se que o consumo moderado de bebidas como vodca pode ocasionar mais de 30% de redução de síntese de proteínas musculares no pós-treino. Com isso podemos ver que o álcool prejudica tanto a performance esportiva quanto a hipertrofia.

Pessoa brindando com copos e garrafas de cerveja
Qualquer bebida que contenha álcool impacta o processo de emagrecimento (Imagem: ESB Professional | Shutterstock)

4. Existe algum tipo de bebida alcoólica que não atrapalhe os processos de emagrecimento e hipertrofia?

Não. Existem inúmeros estudos que mostram que não há dose de álcool segura para o ser humano ingerir. Qualquer bebida que contém álcool ou etanol vai impactar nos processos de emagrecimento e hipertrofia, além de causar danos gerais para a saúde a médio e longo prazo.

5. O que o álcool faz no nosso corpo?

Quando consumido em doses médias, o álcool vai causar muita excitação no sistema nervoso central; em doses altas, causará depressão do sistema nervoso, por isso as pessoas ficam com sono, caindo. O consumo também leva a alterações de dopamina e cortisol, o que vai fazer com que a pessoa sinta a falta da bebida quando o seu efeito acabar, deixando-a mais irritada e cansada, o que abre margem para ela continuar bebendo para se sentir “melhor”.

Em relação ao metabolismo, o álcool altera a secreção e aumenta a resistência à insulina, o que leva a um possível aumento de ganho de gordura e de fome. Além disso, o corpo ficará alguns dias tendo que metabolizar essa toxina, que é o etanol, e os seus metabólitos (resíduos que sobram após a absorção), para poder eliminar por completo o álcool do organismo. Nesse tempo, ele vai deixar de lado a fabricação e absorção de vitaminas, minerais, queima de gordura e sentirá impacto na síntese de massa muscular, ou seja, não tem benefício para nenhum sistema do corpo.

Por Bruna de Paula

Veja Também