Diário Logo

O Diário Logo

Mogi registra oitava morte por dengue e lidera número de casos

Óbito foi confirmado na manhã desta quinta-feira (4) pelo Painel de Monitoramento da Dengue; a cidade contabiliza, até o momento, 5.277 quadros da doença

6 de junho de 2024

Devido a alta nos casos de dengue e o número alarmante de mortes pela doença, todas as cidades da região enfrentam situação epidêmica | Divulgação/AEN

Reportagem de: Ana Lívia Terribille

A oitava morte por dengue foi confirmada na manhã desta quinta-feira (6) em Mogi das Cruzes. O número foi revelado pelo Painel de Monitoramento da Divisão Dengue, Zika e Chikungunya do Estado de São Paulo. Ao todo, o Alto Tietê contabiliza 22 mortes.

O Diário entrou em contato com a Prefeitura de Mogi das Cruzes para obter mais detalhes sobre a vítima e se ela possuía alguma comorbidade. Em resposta, foi dito que a vítima era um homem de 33 anos, sem comorbidades, morador do bairro Mogi Moderno. A confirmação da morte chegou até a Vigilância Epidemiológica Municipal no mês passado.

LEIA TAMBÉM

Reportado pela nossa equipe, o sétimo óbito, segundo a administração municipal, ocorreu no dia 20 de maio. A vítima era um homem de 65 anos, portador de comorbidades, residente na Vila Cecília, em Mogi das Cruzes.

A cidade contabiliza, até o momento, 5.277 casos confirmados da doença e é a que possui o maior número de mortes causadas por dengue.

Epidemia

Devido a alta nos casos de dengue e o número alarmante de mortes pela doença, todas as cidades da região enfrentam situação epidêmica, quando a incidência é superior a 300 casos a cada 100 mil habitantes. 

Abaixo, é possível consultar a quantidade de óbitos por cidade. Vale destacar que, apenas Arujá e Salesópolis não compõem a tabela, visto que não registraram nenhuma morte até o momento.

Município Óbitos
Biritiba Mirim1
Ferraz de Vasconcelos 1
Guararema1
Itaquaquecetuba2
Mogi das Cruzes8
Poá2
Santa Isabel 2
Suzano5
Veja Também