Diário Logo

O Diário Logo

Parada do Orgulho LGBT+ de Mogi deve acontecer em julho

Evento busca mobilizar a população da cidade por mais políticas públicas voltadas para a comunidade

5 de junho de 2024

Evento deve contar com a apresentação de artistas locais | Divulgação/Fórum Mogiano LGBT+

Reportagem de: Fabricio Mello

Em entrevista ao O Diário, a presidente do Fórum Mogiano LGBT+, Alexandra Braga, divulgou que a Parada do Orgulho LGBTQIAP+ deve acontecer na cidade em julho. 

Por conta da mudança na forma de seleção de projetos do edital +Orgulho, da Associação Paulista Amigos da Arte – que fomenta projetos como paradas do orgulho, festivais culturais e semanas de diversidade sexual -, a comissão organizadora da Parada mogiana ainda não tem uma data certa para o evento.

Entretanto, de acordo com Alexandra, a expectativa é de que o evento aconteça no dia 21 de julho. Além disso, ela ressalta que a comissão aguarda o resultado, mas que a Parada do Orgulho “acontecerá de qualquer forma”.

LEIA TAMBÉM:

Ainda de acordo com ela, a Parada mogiana deve contar com um palco na Avenida Cívica para apresentação de artistas locais e falas de autoridades em apoio ao movimento. O trajeto deve continuar o mesmo das outras edições, com concentração em frente ao Fórum Mogiano LGBT+, seguida pela caminhada até a Avenida Cívica, passando pelo túnel.

A lista com os nomes dos artistas que irão se apresentar na Parada será divulgada futuramente pelo próprio Fórum Mogiano LGBT+, em uma data mais próxima do evento.

O tema oficial do evento também será divulgado futuramente, mas, de acordo com o que foi adiantado para O Diário, deve ser voltado para conscientização sobre a falta de políticas públicas voltadas para a comunidade. De acordo com Alexandra, falta a participação de órgãos públicos na notificação de casos de violência contra a comunidade LGBTQIA+.

Veja Também