Diário Logo

O Diário Logo

Hospital Federal, em Suzano, deve ser entregue até o final deste ano

Obra chegou a 55% de conclusão e avança para a segunda fase; investimentos somam R$ 61,2 milhões

25 de maio de 2024

Unidade deve ser capaz de ofertar 25 mil atendimentos mensais | Divulgação/Prefeitura de Suzano

Reportagem de: O Diário

A obra do Hospital Federal, em Suzano, chegou a 55% de conclusão e avança para a segunda fase de construção. Segundo o divulgado pela prefeitura da cidade, a expectativa é de que a obra seja entregue até o final de 2024.

O empreendimento construído no cruzamento da rua Sete de Setembro com a avenida Senador Roberto Simonsen, no bairro Cidade Cruzeiro do Sul, está recebendo, neste momento, acabamento do piso e instalação dos sistemas de climatização e de cabeamento estruturado, além de controle de acesso e atendimento de senha. Também estão inseridos nesta etapa os serviços que garantirão a implementação da rede de incêndio e a central de água quente.

Para o mês de maio, o cronograma de atividades estabeleceu a execução de trabalhos que incluem a passagem de cabeamento elétricos, de cabos para rede estruturada e de cabo para alarme de incêndio, assim como a instalação de painéis elétricos e iluminação externa, término dos dutos de climatização e condicionadores para climatização, além dos serviços de acabamento, que abrangem colocação de portas corta-fogo, piso granilite, aplicação de massa corrida nas paredes, tratamento de concreto das paredes da torre e assentamento de azulejo.

As próximas frentes preveem a implantação da calçada em concreto armado, a implantação de piso intertravado para viário veicular, a passagem de cabos alimentadores e instalação de centrais de gases medicinais.

Assim que as obras estiverem finalizadas, o empreendimento de dois andares será capaz de ofertar 25 mil atendimentos mensais nos 40 leitos fixos e 90 rotativos que serão disponibilizados, em demandas de urgência e emergência, bem como exames de imagem. O Hospital Federal terá 9 mil metros quadrados, sendo o primeiro andar dedicado aos Prontos-Socorros Adulto e Infantil e aos consultórios. Já no segundo pavimento serão realizados os exames de imagem, incluindo ressonância magnética, ultrassonografia e tomografia computadorizada.

Para concluir as atividades envolvidas na primeira fase, foi realizado um investimento de R$ 23.990.638,99. Para a segunda, estão previstos recursos da ordem de R$ 37.263.401,86. Somadas as duas etapas, o custo estimado para o empreendimento, que conta com aportes dos governos federal e municipal, é de R$ 61.254.040,85. A empresa Scopus Construtora e Incorporadora Ltda foi responsável pela etapa inicial e também está executando o planejamento referente à segunda etapa das obras.

Veja Também