Diário Logo

Notizia Logo

Mogi abre vacinação contra gripe para atender 130 mil pessoas; veja grupo prioritário

Mogi das Cruzes inicia a vacinação contra a gripe com o objetivo de atender cerca de 130 mil pessoas, sendo que a metade é formada por moradores com 60 anos ou mais. Ao todo, são 16 grupos prioritários. A meta é proteger ao menos 80% da população que já pode receber, sem agendamento, a dose […]

10 de abril de 2023

Reportagem de: O Diário

Mogi das Cruzes inicia a vacinação contra a gripe com o objetivo de atender cerca de 130 mil pessoas, sendo que a metade é formada por moradores com 60 anos ou mais. Ao todo, são 16 grupos prioritários. A meta é proteger ao menos 80% da população que já pode receber, sem agendamento, a dose contra o vírus Influenza.  Que preferir pode agendar a hora de receber do atendimento.

A gripe é uma doença que pode ser o gatilho para complicações de saúde que levam à morte. Muitas pessoas desconsiderem esse fato e as campanhas têm registrado uma redução da procura pelo imunizante. 

Diferentemente de anos anteriores, na edição 2023 da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe todos os públicos-alvo contemplados podem procurar as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) desde o primeiro dia. Nos anos anteriores, a campanha era ampliada gradativamente até alcançar todos os grupos prioritários. 

O atendimento será realizado de segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas, e a campanha será realizada até o dia 31 de maio, conforme determinação do Ministério da Saúde. 

Quem preferir, pode agendar no www.cliquevacina.com.br – há vagas disponíveis para o horário estendido desta segunda-feira (10) – acesse aqui o serviço gratuito mantido pela Prefeitura de Mogi das Cruzes.

Para receber a dose, os grupos contemplados definidos pelo Ministério da Saúde devem apresentar documento pessoal com foto e caderneta de vacinação contra a Covid-19, além do comprovante de que pertencem a um dos grupos, conforme abaixo: 

– Crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias) (Levar também:  caderneta de vacinação de rotina)
– Gestantes: comprovar gestação: cartão de pré-natal ou exame
– Puérperas: mulheres com até 45 dias após o parto – apresentar certidão de nascimento da criança
– Povos indígenas: documento específico
– Idosos com 60 anos ou mais de idade
– Pessoas com deficiência permanente – motora, visual, auditiva ou intelectual – inclui-se o autismo – comprovação de sua condição

– Pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais independentemente da idade – COMPROVAÇÃO MÉDICA DE SUA DOENÇA OU RECEITA DE MEDICAÇÃO DE USO CONTÍNUO QUE UTILIZE PARA O SEU TRATAMENTO. 

– Trabalhador da Saúde: 
     a) Profissionais das categorias de Saúde: levar carteira do registro profissional de sua categoria;
     b) Trabalhadores de serviços de saúde (humana) de outras categorias diversas (recepção/ motoristas/segurança, etc) que trabalham em serviços de saúde (hospitais, clínicas e ambulatórios de saúde, laboratórios, serviços de exames de imagem e farmácias):  levar comprovante que trabalham nestes locais apresentando holerite, crachá ou contrato de trabalho. 

– Professores do ensino básico e superior – trabalhadores das escolas de ensino regular do infantil até o nível superior: levar comprovante que trabalham nestes locais apresentando hollerit, crachá ou contrato de trabalho. 
– Profissionais das Forças de Segurança e Salvamento – Policiais dos diversos segmentos, Bombeiros e guardas Municipais: carteira de identificação funcional.
– Profissionais das Forças Armadas – carteira de identificação funcional.
– Trabalhadores de transporte coletivo rodoviário para passageiros urbanos e de longo curso – carteira de identificação funcional.
– Caminhoneiros- carteira de identificação funcional/ Carteira de habilitação D ou E.
– Trabalhadores Portuários –  carteira de identificação funcional. 

A vacina ofertada é composta por três tipos de cepas do vírus Influenza (A-H1N1, A-H3N2 e B). Para adultos, é aplicada dose única. Crianças abaixo dos nove anos de idade, se estiverem tomando a vacina pela primeira vez, recebem duas doses, com intervalo de quatro semanas entre elas. 
A vacina contra a gripe pode ser aplicada junta a outros imunizantes, inclusive o da Covid-19. 

Vacina da gripe

–  VACINA DA GRIPE: para os grupos contemplados, o atendimento será realizado conforme capacidade de cada unidade, podendo ser necessária a distribuição de senhas para melhor organização do fluxo. 

–  LIVRE DEMANDA DE VACINA COVID-19: ficará suspensa durante todo o período da Campanha de Vacinação contra a Gripe. As vagas para qualquer tipo de vacina contra a Covid-19 serão disponibilizadas para agendamento no www.cliquevacina.com.br . 
– ATENDIMENTO EM HORÁRIO NOTURNO OU AOS SÁBADOS: somente por meio de agendamento no www.cliquevacina.com.br . 
– A VACINA DA GRIPE TAMBÉM ESTARÁ DISPONÍVEL PARA AGENDAMENTO: pessoas que fazem parte do público contemplado poderão optar em agendar a vacinação no www.cliquevacina.com.br ou comparecer no horário de expediente da sala de vacinas.

– AGENDAMENTO PARA AS VACINAS CONTRA A COVID-19: durante a campanha, todas as vacinas contra a Covid-19 serão disponibilizadas apenas por agendamento no site oficial ou pelo telefone SIS 160.

Confira o público alvo:

* crianças de 6 meses até 4 anos e 11 meses: Pfizer Baby – (1ª, 2ª ou 3ª dose/reforço) 
* crianças de 5 anos até 11 anos e 11 meses: Pfizer Pediátrica (1ª, 2ª ou 3ª dose/reforço) 
*  adolescentes de 12 a 17 anos: Pfizer (1ª, 2ª ou 3ª dose/reforço) 
 adultos de 18 anos ou mais (vacina comum/monovalente): do LABORATÓRIO que estiver dispo no momento, Astrazeneca (1ª, 2ª, 3ª ou 4ª dose/reforço) 

AGENDAMENTO VACINA COVID-19 BIVALENTE continua disponível para:
    Idosos com 60 anos ou mais de idade
    Gestantes
    Puérperas: mulheres com até 45 dias após o parto
    Povos indígenas 
    Pessoas com deficiência permanente – motora, visual, auditiva ou intelectual – inclui-se o autismo – comprovação de sua condição
    Pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais independentemente da idade – COMPROVAÇÃO MÉDICA DE SUA DOENÇA OU RECEITA DE MEDICAÇÃO DE USO CONTÍNUO QUE UTILIZE PARA O SEU TRATAMENTO. 

    Trabalhador da Saúde: 
     – Profissionais das categorias de Saúde: levar carteira do registro profissional de sua categoria 
   –  Trabalhadores de serviços de saúde (humana) de outras categorias diversas (recepção/ motoristas/segurança, etc) que trabalham em serviços de saúde (hospitais, clínicas e ambulatórios de saúde, laboratórios, serviços de exames de imagem e farmácias):  levar comprovante que trabalham nestes locais apresentando holerite, crachá ou contrato de trabalho. 

Veja Também